Com título garantido, Cortese sobra e comanda primeiro treino da Moto3 em Phillip Island

Sandro Cortese não teve dificuldades para comandar o primeiro treino livre da Moto3 em Phillip Island. Germânico dominou a maior parte da sessão e fechou a atividade com 0s441 de folga para Danny Kent, o segundo colocado

Sandro Cortese não teve grandes dificuldades pra dominar a primeira sessão de treinos livres da Moto3 em Phillip Island. O germânico liderou a maior parte do treino desta sexta-feira (26) e, apesar de sido um pouco pressionado por Jonas Folger e Danny Kent nos segundos finais, fechou a atividade com 0s441 de vantagem para o companheiro de Red Bull KTM Ajo. 

Cortese assumiu a ponta no início da atividade, mas logo viu Folger assumir a ponta da folha de tempos. Depois de uma rápida passagem pelos boxes da KTM, Sandro voltou à pista e recuperou a ponta, não sendo mais incomodado. Já com o cronometro zerado, Kent e Folger registraram ótimas parciais, mas perderam tempo no último setor de Phillip Island e não conseguiram bater o campeão de 2012.

 

Cortese garantiu título na etapa de Sepang da Moto3 (Foto: MotoGP)

Maverick Viñales, que volta às pistas depois de ter abandonado o time em Sepang, ficou com o quarto tempo, apesar de ter sofrido uma queda sem consequência nesta manhã na Austrália.

Miguel Oliveira foi o quinto mais rápido, à frente de Éfren Vázquez e ZulFahmi Khairuddin. Jakub Kornfeil ficou em oitavo, seguido por Luis Salom. Alessandro Tonucci completa o top-10.

Saiba como foi o treino desta sexta:
 
Cortese assumiu a ponta da tabela de tempos logo nos primeiros minutos da sessão. Álex Márquez vinha em segundo, 1s050 atrás do campeão de 2012. Viñales tinha o terceiro tempo, à frente de Oliveira, Miller, Folger, Kent, Khairuddin, Fenati e Rins. 
 
Folger logo passou a frente ao anotar 1min41s489, 0s005 mais rápido que Sandro. Cortese respondeu, baixou para 1min40s391 e retomou a ponta. Viñales também baixou seu tempo e passou a ocupar a terceira posição, 0s629 atrás de Jonas. 
 
Liderando, Cortese foi ainda mais rápido, abrindo 0s678 de diferença para Folger. Viñales seguia com o terceiro tempo, à frente de Kent, Tonucci, Rins, Khairuddin, Fenati e Márquez.
 
Faltando menos de dez minutos para o encerramento da sessão, Ajo assumiu o quarto posto ao anotar 1min41s394. 
 
Na sequência foi a vez de Kent ser mais rápido. O piloto da Red Bull KTM Ajo anotou 1min40s767 e se instalou a 0s497 de Cortese. Folger tinha a terceira marca, à frente de Viñales, Vázquez, Khairuddin, Salom e Ajo. 
 
Com três minutos para o fim da atividade, Viñales sofreu uma queda em Phillip Island e deixou a pista caminhando. 

Já com o cronometro zerado, Kent e Folger registraram ótimas parciais, mas acabaram perdendo muito tempo no último setor de Phillip Island e conseguiram tirar a ponta de Cortese.

Moto3, GP da Austrália, Phillip Island, 1º Treino Livre:

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube