Confira os dez pilotos que asseguraram vaga na fase final do treino classificatório do GP de Aragão de MotoGP

Marc Márquez mais uma vez mostrou toda sua força em Aragão. Neste sábado (23), o titular da Honda imprimiu a marca de 1min48s252 para pontear a tabela de treinos combinados e ser o primeiro piloto a garantir uma vaga direta ao Q2. Maverick Viñales e Dan Pedrosa acompanham o espanhol

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Com a marca de 1min48s252, Marc Márquez voltou a mostrar força em Aragão e neste sábado (23) foi o mais veloz dos treinos combinados da MotoGP. Com isso, o espanhol garantiu uma vaga direta ao Q2, fase final da classificação.
 

Quem seguiu o titular da Honda é Maverick Viñales, que anotou uma marca 0s310 inferior ao do #93. Dani Pedrosa acompanhou a dupla, com Álvaro Bautista e Mika Kallio aparecendo logo atrás.
Marc Márquez (Foto: Honda)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Andrea Dovizioso, Aleix Espargaró, Cal Crutchlow, Andrea Iannone e Valentino Rossi também fizeram tempos rápidos o suficiente para avançarem sem escalar para a segunda parte do treino classificatório.
 

Por outro lado, Jorge Lorenzo encabeça a lista de pilotos que terão que lutar por uma das duas vagas finais do Q2. O titular da Ducati imprimiu a marca de 1min49s286, 0s1304 mais lento que Márquez. Pol Espargaró e Danilo Petrucci aparecem em seguida. 
 
Tito Rabat, Jack Miller, Scott Redding, Hector Barberá, Loris Baz, Johann Zarco, Karel Abraham, Alex Rins, Bradley Smith, Jonas Folger e Sam Lowes terminam os nomes dos competidores que terão trabalho extra passando pelo Q1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube