Correndo em casa, Stoner ignora lesão no tornozelo e dita ritmo no 1º treino da MotoGP na Austrália

Casey Stoner ignorou as dores no tornozelo direito e ditou o ritmo no primeiro treino livre da MotoGP para o GP da Austrália. Jorge Lorenzo ficou com a segunda marca, 0s905 atrás do australiano. Dani Pedrosa foi o terceiro

Mesmo reclamando de dores no tornozelo direito, Casey Stoner mostrou que não será fácil segurá-lo em sua última prova na Austrália. Em casa, o bicampeão sobrou na primeira sessão de treinos desta sexta-feira (26) e ditou o ritmo do exercício com folga.

O australiano assumiu a ponta da tabela de tempos ainda nos minutos da atividade e não deu chances aos rivais. O piloto da Honda, que faz neste fim de semana sua penúltima prova antes de abandonar a MotoGP, cravou 1min30s374 em seu melhor giro e foi 0s905 mais rápido que Jorge Lorenzo.

Daniel Pedrosa também tentou acompanhar o ritmo dos ponteiros, mas acabou em terceiro, 1s159 atrás do companheiro de Honda, ao registrar sua melhor marca em 1min31s533.

Stoner segue lidando com as dores no tornozelo direito (Foto: MotoGP)

Andrea Dovizioso foi o quarto mais rápido, 1s594 atrás de Stoner. Álvaro Bautista aparece na sequência, seguido por Cal Crutchlow. Nicky Hayden foi o sétimo, com Stefan Bradl em oitavo e Valentino Rossi em nono. Randy De Puniet foi o melhor entre os pilotos de equipe CRT e fecha a lista dos dez mais rápidos na Austrália. 

 

Saiba como foi o treino desta sexta:
 
Lorenzo foi o primeiro a assumir a ponta da tabela. O espanhol anotou 1min34s175 em seu primeiro giro cronometrado e se instalou à frente de Espargaró. 
 
Stoner logo anotou 1min34s094 e subiu para o segundo posto, seguido por Pedrosa, Bradl e Bautista. O dono da casa logo assumiu a ponta com a marca de 1min31s128. Lorenzo vinha 1s258 atrás, à frente de Bradl, Dovizioso, Bautista, Pedrosa e Rossi.
 
Enquanto Stoner baixou para 1min31s046, Pedrosa subiu para a segunda colocação, 1s187 atrás do companheiro de Honda. Crutchlow também melhorou e passou a rodar em terceiro. 
 
Faltando cerca de 25 minutos para o fim da sessão, a maior parte dos pilotos se dirigiu para os boxes por conta da chegada da chuva, enquanto Stoner liderava, seguido por Pedrosa e Crutchlow.
 
Não demorou, os pilotos retomaram a sessão, mas Stoner seguiu na liderança. Lorenzo conseguiu baixar sua marca para 1min31s418 e se instalou no segundo posto, 0s372 atrás de Casey. Pedrosa vinha em terceiro, seguido por Bautista, Crutchlow, Bradl, Dovizioso, Rossi, Hayden e Abraham. 
 
Com pouco mais de cinco minutos para o fim da atividade, Stoner baixou sua marca para 1min30s374 e abriu 0s936 de vantagem para Lorenzo, que seguia com o segundo tempo. 
 
Jorge anotou 1min31s279 na sequência e levou a vantagem do australiano para 0s905. O espanhol insistiu, mas não conseguiu baixar o tempo de Stoner e acabou encerrando a sessão com o segundo tempo, à frente de Pedrosa. 

MotoGP, GP da Austrália, Phillip Island, 1º Treino Livre:

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube