Cortese assume ponta no fim e lidera treino livre da Moto3 marcado por acidente de Antonelli na Austrália

Sandro Cortese assumiu a liderança nos minutos finais da sessão ao bater Alberto Moncayo por 0s394 e foi o mais rápido na manhã deste sábado (27) na Austrália. Niccolò Antonelli sofreu um forte acidente no início da sessão

►Confira as melhores imagens do Mundial de Motovelocidade em Phillip Island

Sandro Cortese foi o mais rápido no último treino livre para o GP da Austrália de Moto3. O germânico bateu Alberto Moncayo nos minutos finais da atividade ao baixar o tempo do espanhol em 0s394 e fechou a sessão com seu melhor giro em 1min38s811, a melhor marca do fim de semana.

O treino deste sábado (27) começou com um susto. Niccolò Antonelli sofreu uma forte queda ainda nos minutos iniciais da atividade e ficou desacordado após bater com a cabeça.

Cortese foi o mais rápido no terceiro treino em Phillip Island (Foto: MotoGP)

O jovem piloto da Gresini foi rapidamente atendido pelos médicos do circuito e, apesar de ainda estar passando por exames mais detalhados, já foi declarado bem pela equipe médica de Phillip Island.

Maverick Viñales iniciou a sessão mostrando força, mas teve seu tempo batido por Jonas Folger na sequência. Já na fase final do exercício, Moncayo assumiu a ponta, mas não conseguiu reagir ao tempo de Cortese e ficou com o segundo posto, à frente de Folger.

Com 1min39s366, Danny Kent ficou em quarto, seguido por Niklas Ajo e Luis Salom. Álex Rins, que chegou a ditar o ritmo da sessão, ficou com a sétima marca, ao anotar 1min39s415. Miguel Oliveira vem em oitavo, com Romano Fenati e Viñales fechando o top-10.

 

Saiba como foi o terceiro treino da Moto3 na Austrália:
 
Éfren Vázquez começou a sessão na ponta ao registrar 1min41s508. Rins logo tomou a frente com 1min40s957, seguido por Ajo, Techer, Vázquez, Oliveira, Viñales. Fenati, Khairuddin, Sissis e Rossi.
 
Ainda nos primeiros minutos da sessão, Niccolò Antonelli sofreu uma forte queda em Phillip Island. O piloto ficou apagado em uma área de escape da pista e a bandeira vermelha foi exibida no circuito com pouco menos de 35 minutos para o fim da sessão. 
 
A condição do jovem piloto da Gresini chegou a assustar, mas a equipe médica da MotoGP logo chegou ao italiano, que foi removido em uma maca, mas movendo os braços para sinalizar que estava bem. 
 
Enquanto o piloto era atendido no centro médico australiano, as atividades foram retomadas na pista. Fenati assumiu a ponta, mas logo perdeu a posição para Viñales, que anotou 1min39s753. Moncayo tinha a segunda marca, à frente de Fenati, Salom e Kent.
Tempo de Moncayo foi batido nos minutos finais (Foto: MotoGP)
Com menos de 25 minutos para o fim, Cortese saiu do 16º posto da tabela para anotar a melhor marca no primeiro setor de Phillip Island, mas não conseguiu manter o mesmo ritmo e apenas subiu para 11º. O germânico insistiu e subiu para a terceira posição no giro seguinte.
 
Rins também exibiu um bom ritmo e tirou Viñales da ponta ao cravar 1min39s415, 0s338 mais rápido que Maverick. Na sequência, Folger aumentou o ritmo e passou a liderar, seguido por Kent, Rins, Viñales, Cortese, Moncayo, Oliveira, Fenati, Salom e Tonucci. 
 
Em seguida foi a vez de Moncayo assumir a liderança. O espanhol registrou 1min39s205 e baixou o tempo de Folger em 0s104. Perto da barreira de um minuto para o fim da atividade, Cortese registrou 1min38s811 e assumiu a ponta. 

Moto3, GP da Austrália, Phillip Island, 3º Treino Livre:

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube