MotoGP

Crutchlow diz que Dovizioso “se perdeu” e avalia: “Dois anos atrás estava mais forte”

Cal Crutchlow fez uma breve avaliação sobre a atual forma de Andrea Dovizioso. O titular da LCR apontou como o italiano parece ter se perdido com a Ducati, não conseguindo extrair o máximo da moto e não fazendo frente a Marc Márquez na briga pelo título

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Cal Crutchlow não vê Andrea Dovizioso em sua melhor forma na Ducati. O titular da LCR disse que o italiano se perdeu com a moto, não conseguindo mostrar desempenhos tão competitivos como no passado.
 
No GP da Alemanha, o #4 conseguiu apenas o 13º posto no grid de largada. Enquanto isso, Marc Márquez vai sair da pole-position, com tudo indicando que a desvantagem de 44 pontos aumentando entre os dois.
 
Ainda, Dovizioso não consegue uma vitória desde o GP do Catar, primeira etapa da temporada. O italiano também não chegou à frente do espanhol desde então – com exceção de Austin, onde o titular da Honda acabou abandonando por conta de uma queda.
Andrea Dovizioso (Foto: Ducati)
O inglês então apontou que Andrea, seu companheiro em 2014, não consegue mais extrair o máximo da Desmosedici. “Acho que Dovi se perdeu e isso é claro. Acho que não está pilotando tão bem quanto ano passado, não acredito. Mas não sei o que está se passando dentro da garagem, não sei a moto que está pilotando”, disse.
 
“Se olhar para ele dois anos atrás, acho que estava em um momento mais forte do que agora. Acho que Dovi está pilotando melhor quando não pensa no campeonato, quando vai para vencer corridas”, continuou.
 
“No geral, nas últimas corridas ele não tem sido tão rápido em tantos treinos e acho que ele se perdeu e não está usando as forças da moto. Dovi é ótimo e um piloto fantástico e um grande amigo meu, mas nas pistas em que poderia bater Marc perdeu a oportunidade. Agora teve algumas corridas ruins, classificações ruins, acho que está ficando um pouco pior para ele”, completou.
 
Entretanto, Cal espera que a briga pelo campeonato fique mais próxima. “Espero que Dovi seja capaz de ser mais rápido porque precisamos que o campeonato seja melhor do que a diferença de pontos do momento. Todos os créditos para Marc, está pilotando melhor do que nunca”, encerrou.
 
Paddockast #24
A BATALHA: Indy x MotoGP




 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.