Crutchlow revela que rejeitou “acordo fantástico” para disputar 8 Horas de Suzuka: “Simplesmente não tenho tempo”

Cal Crutchlow contou que rejeito uma oferta fantástica para disputar as 8 Horas de Suzuka. Britânico entrou em acordo com a Honda por entender que não tem tempo para disputar a mais tradicional das provas do calendário do Mundial de Endurance da FIM (Federação Internacional de Motociclismo)

 

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : ‘pt’
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : ‘inread’
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Cal Crutchlow rejeitou um “acordo fantástico” para disputar a edição 2017 das 8 Horas de Suzuka. O titular da LCR explicou que não tem tempo para participar da mais tradicional das provas do Mundial de Endurance da FIM (Federação Internacional de Motociclismo).

 
A prova deste ano acontece entre 28 e 30 de julho, justamente durante as férias de verão da MotoGP. Entretanto, os treinos para o GP da República Tcheca começam apenas cinco dias depois do fim das atividades no Japão.
Cal Crutchlow recusou oferta para disputar 8 Horas de Suzuka (Foto: LCR)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

“Eu gostaria de fazer Suzuka, fui convidado para fazer Suzuka, me ofereceram um acordo fantástico para fazer Suzuka. Sei quem vai fazer Suzuka pela Honda, mas eu simplesmente não tenho tempo”, disse Crutchlow. “Meu time quer que eu me concentre em correr na MotoGP, não em superbikes. A Honda quer que eu vá, mas, no fim, decidimos em conjunto com a Honda que eu não vou este ano”, seguiu.
 
“Nós estamos simplesmente ocupados demais”, justificou. “Com os testes, nós vimos que nas férias de verão eu estaria em casa apenas três dias. Depois de Suzuka, eu teria um dia em casa e aí teria de ir direto para o próximo GP, em Brno”, explicou.
 
Especulado como companheiro de Crutchlow na LCR em2018, Takaaki Nakagami foi confirmado na prova de Suzuka para defender a HARC-PRO Honda.
 
A Yamaha venceu em Suzuka nos últimos dois anos. Em 2015, a casa de Iwata contou com Bradley Smith e Pol Espargaró em sua vitoriosa equipe, com o catalão voltando no ano seguinte para defender o título.
 
Para 2017, a montadora dos três diapasões já anunciou que será defendida por Alex Lowes, Katsuyuki Nakasuga — campeões vigentes — e Michael van der Mark.
 
Na quinta-feira, Crutchlow apareceu para falar com a imprensa com uma bandagem no punho, mas não quis elaborar sobre a lesão.
 
“Eu simplesmente tenho alguma dor no meu punho. Eu estou me recuperando disso, nada especial. Deve estar ok ao longo do fim de semana. Realmente não quero elaborar a respeito”, falou. “Se eu não parar na curva um rodando a 350 km/h, aí vocês podem saber que está acontecendo alguma coisa, mas ainda não estou preocupado. Se você andar por este paddock, vai ver uns 500 pilotos com essas coisas — nos joelhos, nos braços, nos ombros, no pescoço…”, ponderou.
 
“De qualquer forma, no momento vocês deveriam estar mais preocupados com Valentino. É uma boa propaganda para o GP — ele vai pilotar? Não vai? —, então eu só queria estar com isso”, falou. “Apenas esperam quando chegar em Silverstone. Vou chegar com uma fantasia de múmia”, brincou.
ALONSO ATINGE NOVO PATAMAR NA HISTÓRIA DO AUTOMOBILISMO NA ESPETACULAR INDY 500

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = ‘ca-pub-6830925722933424’;
google_ad_slot = ‘8352893793’;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(‘crt_ftr’).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(‘cto_ifr’);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(‘px’)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write('’);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube