De volta às pistas após acidente em Indy, Hayden fala com cautela sobre condição física para GP em Misano

Nicky Hayden disse que ficou satisfeito com seu desempenho nesta sexta-feira (14) em Misano, principalmente por conta de sua condição física. O piloto volta às pistas depois do forte acidente que teve em Indianápolis

De volta às pistas depois do forte acidente que sofreu em Indianápolis no mês passado, Nicky Hayden foi um dos poucos pilotos de fábrica que se arriscaram na pista molhada de Misano nesta sexta-feira (14), durante os treinos livres da MotoGP para o GP de San Marino. 

O norte-americano da Ducati completou apenas cinco voltas pela manhã, na primeira sessão do dia, e se disse contente com sua condição física para a etapa italiana deste fim de semana, apesar de ainda não certeza se o desempenho será o mesmo com pista seca. "Eu saí no inicio apenas para verificar se tudo estava funcionando bem com a moto", afirmou o piloto aos jornalistas em Misano, após os treinos.

Hayden voltou às pistas hoje após o grave acidente em Indianápolis (Foto: Ducati)

"Eu completei algumas voltas e a minha mão não estava tão ruim nessas condições, mas nós todos estávamos muito longe de um desempenho real também", completou Hayden, acrescentando que vai esperar até amanhã, em condições de pista seca, para ter uma melhor avaliação da sua condição física.

"Acho que só saberemos mesmo com pista seca. De qualquer forma, tudo será diferente no seco. Não me importaria de mais chuva, mas não gostaria de ir para corrida sem antes andar com pista seca", disse.

O Grande Prêmio acompanha ‘in loco’ o GP de San Marino e da Riviera di Rimini neste final de semana, com a jornalista Evelyn Guimarães. Acompanhe a cobertura aqui.
 
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube