Dovizioso celebra duelo com Petrucci e descarta ordens à la F1 “especialmente no início da temporada”

Andrea Dovizioso não vê problemas no fato de a Ducati permitir que Danilo Petrucci o desafie na pista. O italiano descartou o uso de ordens de equipe à la F1, especialmente no início da temporada

Vice-líder do Mundial, Andrea Dovizioso não ficou incomodado por ter sido desafiado por Danilo Petrucci no GP da França. O #4 descartou o uso de ordens de equipe à la Fórmula 1, especialmente no início da temporada da MotoGP.
 
Na parte final da corrida em Le Mans, Dovizioso vinha em segundo, já sem chances de chegar no líder Marc Márquez, quando passou a se pressionado por Petrucci. Mesmo mais rápido em alguns momentos, Danilo não conseguiu passar e ficou com o terceiro posto.
 
Em 2017, quando estava na briga pelo título, Dovizioso viu a Ducati lançar mão de ordens de equipe com Jorge Lorenzo na Malásia e em Valência, mas o #99 desobedeceu nas duas oportunidades.
Andrea Dovizioso e Danilo Petrucci (Foto: Ducati)

Resultado de imagem para emoji microfonePaddockast #18: Fake News! As mentirinhas nada inocentes do esporte a motor

  Ouça no Spotify

  Ouça no iTunes

  Ouça no Android

  Ouça no playerFM

Questionado após a corrida se acredita que a Ducati deveria fazer uso de ordens de equipe para impedir Petrucci de atacá-lo, Dovizioso respondeu: “Se você está na F1, sim, mas, no nosso campeonato, não. E, especialmente, no início da temporada”.
 
“Depende da forma com que você quer olhar. Se você quiser somar o máximo [de pontos], talvez seja uma boa ideia, mas, no nosso esporte, a maioria das vezes não é assim”, defendeu. 
 
Ainda, Andrea celebrou a luta com Petrucci e considerou que o #9 está em uma boa posição no campeonato.
 
“É bom, Danilo é um piloto forte, está numa boa situação no campeonato, tem de dar o máximo e fico feliz em ter esse tipo de luta”, comentou. “Ele tentou, foi difícil, porque eu estava forçando bastante, estava com dificuldade com os pneus, mas meu tempo de volta no final era de 1min32s8, não é tão mal”, seguiu. 
 
“Mas ele não fez nenhuma loucura e não era disso que precisávamos. E eu fico feliz com isso”, concluiu.

#GALERIA(9761)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar