Ducati confirma que Hayden não corre em Indianápolis e revela fraturas na mão direita

A Ducati confirmou na noite deste sábado (18) que Nicky Hayden não irá participar do GP de Indianápolis. O norte-americano sofreu uma forte queda na sessão classificatória, ficou inconsciente e tem fraturas na mão

A Ducati confirmou na noite deste sábado (18) que Nicky Hayden não irá disputar o GP de Indianápolis de MotoGP. O piloto norte-americano sofreu uma forte queda durante o treino classificatório e chegou a ficar inconsciente.

Após receber o primeiro atendimento no centro médico do circuito, Hayden foi levado ao Hospital Metodista de Indianápolis, onde foi submetido a exames mais detalhados. Os médicos optaram por não liberar o piloto para a corrida deste domingo e diagnosticaram fraturas no segundo e no terceiro metacarpo, conjunto que ossos responsáveis pela articulação dos dedos.
 

Moto de Hayden não foi a maior prejudicada no acidente deste sábado (Foto: MotoGP)


“Aproximadamente dez minutos para o fim do treino, Nicky Hayden caiu na curva 14 quando vinha em volta rápida com os pneus macios”, explicou a equipe de Borgo Panigale. “Depois de uma checagem inicial no centro médico da pista, o Americano foi transferido para o Hospital Metodista de Indianápolis, onde exames adicionais revelaram duas pequenas e não deslocadas fraturas no segundo e no terceiro metacarpo da mão direita”, continuou.

“Os resultados da tomografia foram negativos e o americano deve ser liberado do hospital esta noite ou amanhã de manhã, mas, de qualquer forma, não irá participar da corrida”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube