Ducati diz que vitória tirou peso dos ombros de Miller e já sinaliza com renovação

Diretor-esportivo da Ducati, Paolo Ciabatti ressaltou que a casa de Bolonha nunca perdeu a confiança na capacidade do australiano, mas avaliou que a vitória no GP da Espanha serve para que o piloto tire um pouco da pressão que colocou em si mesmo

Jack Miller celebrou a vitória com os integrantes da Ducati (Vídeo: MotoGP

Diretor-esportivo da Ducati, Paolo Ciabatti avaliou que a vitória no GP da Espanha serve para tirar o peso que Jack Miller tinha nos ombros. O dirigente sinalizou, ainda, o interesse em renovar o contrato do australiano.

Miller faz em 2021 a primeira temporada com a equipe de fábrica da Ducati, mas depois de mostrar uma boa performance na pré-temporada, o australiano decepcionou nas primeiras corridas do ano. No último domingo, porém, Jack aproveitou o revés de Fabio Quartararo e venceu pela segunda vez na carreira.

Jack Miller terminou a corrida em Jerez emocionado (Foto: Ducati)

LEIA MAIS
⇝ Sorte sorri para Miller, que apazigua críticos e sai protagonista do GP do Espanha
⇝ Falta de segurança irrita pilotos e coloca futuro da MotoGP em Jerez em xeque
⇝ Red Bull Rookies Cup: a categoria de base de ouro do Mundial de Motovelocidade
⇝ Pol Espargaró escancara frustração após quatro GPs e se mostra perdido na Honda
Ducati consegue raro desempenho em Jerez e se permite sonhar com título em 2021
Lado a lado: as vitórias de Jack Miller na classe rainha do Mundial de Motovelocidade

Questionado pelo site italiano GPOne se a Ducati teve alguma dúvida em relação a Miller após as primeiras corridas, Ciabatti respondeu: “Da nossa parte, nunca teve dúvida nenhuma, pois achamos que ele é um piloto talentoso. Além disso, como muitos outros pilotos que também tiveram problemas com a síndrome compartimental em Jerez, Jack teve no Catar e os resultados dele foram determinados por isso”.

“Em Portimão, ele não estava 100%, tinha operado só oito dias antes, e uma queda o colocou em uma situação difícil depois um excelente teste de inverno”, comentou. “Ele mesmo se colocou em uma situação que podia ser muito negativa e esta vitória, além de recompensar o trabalho dele, o tirou dessa espiral que poderia ter efeitos negativos”, ponderou.

Ciabatti reconheceu que a história de Jack em Borgo Panigale não começou como esperado, mas assegurou a pressão maior veio do próprio piloto.

“Sempre tivemos confiança nele, fizemos tudo que podíamos para que ele se sentisse apoiado. Não começamos essa aventura juntos como nós e ele esperávamos, mas sabíamos que era só uma questão de tempo”, garantiu. “No domingo, ele venceu e removeu um peso enorme dos ombros, mas, acima de tudo, um peso que ele colocou nele mesmo”, pontuou.

Ainda, Ciabatti sinalizou com a renovação do contrato de Jack para o próximo ano. O acordo vigente é de um ano, com a opção de ser renovado por mais um.

“Ele é um piloto que queremos que fique com a Ducati. No domingo, ele provou que é um piloto vencedor. E nós queremos um piloto vencedor”, justificou.

Por fim, o dirigente destacou a boa relação entre Miller e Francesco Bagnaia. O italiano, que lidera o Mundial, também ganhou elogios da chefia.

“Miller e Bagnaia se dão bem, têm estima um pelo outro, e esta vitória foi importante por muitas razões. Não só porque foi a primeira em Jerez em 15 anos, mas também por ser a primeira de Jack com a Ducati em um momento que, como ele mesmo reconhece, ele entrou em uma espiral não muito positiva”, falou Paolo.” E também porque Pecco mostrou que é um piloto muito rápido, sólido e lúcido. Estamos na liderança do Mundial com eles”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar