Em Valência, Ezpeleta confirma permanência de quatro etapas espanholas no calendário da MotoGP

Carmelo Ezpeleta, presidente da Dorna, promotora do Mundial de Motovelocidade, confirmou nesta sexta-feira (7) que as quatro etapas que são disputas na Espanha seguem no calendário da categoria. Dirigente participou da apresentação do novo asfalto do circuito Ricardo Tormo, em Valência

Carmelo Ezpeleta, presidente da Dorna, promotora do Mundial de Motovelocidade, confirmou nesta sexta-feira (7), em Valência, que as quatro etapas que são disputadas anualmente na Espanha seguem no calendário da MotoGP. Por conta da crise econômica que atingiu fortemente o país, foi cogitada a possibilidade de manter apenas duas etapas.

O dirigente explicou que permanência das quatro provas é resultado de “novas condições econômicas que são iguais para todos os circuitos”.

Reforma no circuito de Valência custou cerca de R$ 2,5 milhões (Foto: Facebook/ Circuito Ricardo Tormo)


“Havia um problema para manter os quatro GPs da Espanha, mas poderemos continuar com eles graças à redução das taxas para as quatro provas”, justificou.

Ezpeleta participou nesta sexta-feira de um evento que marcou a entrega do novo asfalto do circuito Ricardo Tormo. O trabalho, que durou cerca de dois meses, custou mais de € 1 milhão (aproximadamente R$ 2,5 milhões) aos cofres do governo local.
 

Área de escape das curvas 10 e 11 também passou por obras (Foto: Facebook/ Circuito Ricardo Tormo)


De acordo com Lola Johnson, Ministra do Turismo, Cultura e Esporte de Valência, a reforma “garante a segurança e o espetáculo”. Além do novo pavimento, o circuito também reformou a área de escape entre as curvas 10 e 11.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube