MotoGP

Erro de Márquez embola disputa e ajuda Dovizioso a retomar liderança na MotoGP. Confira classificação

O GP das Américas causou uma verdadeira reviravolta na classificação da MotoGP. Com o quarto lugar em Austin, Andrea Dovizioso recuperou a liderança do Mundial e agora é seguido de perto por Valentino Rossi. Álex Rins foi promovido ao terceiro posto, com Marc Márquez fechando um top-4 separado por apenas 9 pontos

Grande Prêmio / JULIANA TESSER, de São Paulo
🏍️ Enquete: que nota você dá para o GP das Américas de MotoGP

O GP das Américas saiu completamente do script neste domingo (14). Ao invés da esperada sétima vitória seguida, o que se viu foi um erro de Marc Márquez, que caiu sozinho na liderança e deu um tom completamente novo à corrida. Sem o ‘rei do Texas’ na pista, Álex Rins realizou um sonho de infância e bateu Valentino Rossi para conquistar a primeira vitória da carreira na MotoGP.
 
O resultado inesperado, claro, impactou a classificação do Mundial. Quarto em Austin, Andrea Dovizioso recuperou a liderança e agora tem três pontos de frente para Rossi, o segundo colocado. Vencedor, Rins avançou para o terceiro posto, cinco pontos atrás do líder.
Andrea Dovizioso recuperou a liderança da MotoGP (Foto: Ducati)
Resultado de imagem para emoji microfonePaddockast #14: O melhor piloto de MotoGP de todos os tempos



 Ouça no Spotify
 Ouça no iTunes
 Ouça no Android
 Ouça no playerFM

Márquez, por sua vez, despencou para a quarta colocação, mas apenas nove tentos atrás do líder. Danilo Petrucci aparece em quarto, mas já com 24 pontos de atraso para o companheiro de Ducati.
 
Com 29 pontos, Jack Miller aparece em sexto, seguido por Takaaki Nakagami, Cal Crutchlow, Pol Espargaró e Fabio Quartararo.
 
Maverick Viñales somou só 14 pontos nas três primeiras corridas do ano e aparece só em 12º, dois pontos atrás de Franco Morbidelli. No primeiro ano de Honda, Jorge Lorenzo é só o 17º, empatado em sete pontos com o estreante Miguel Oliveira.

      Poles Vitórias Pontos
1 A DOVIZIOSO Ducati - 1 54
2 V ROSSI Yamaha - - 51
3 A RINS Suzuki - 1 49
4 M MÁRQUEZ Honda 2 1 45
5 D PETRUCCI Ducati - - 30
6 J MILLER Pramac Ducati - - 29
7 T NAKAGAMI LCR Honda - - 22
8 C CRUTCHLOW LCR Honda - - 19
9 P ESPARGARÓ KTM - - 18
10 F QUARTARARO SIC Yamaha - - 17
11 F MORBIDELLI SIC Yamaha - - 16
12 M VIÑALES Yamaha 1 - 14
13 A ESPARGARÓ Aprilia Gresini - - 13
14 F BAGNAIA Pramac Ducati - - 9
15 J MIR Suzuki - - 8
16 M OLIVEIRA Tech3 KTM - - 7
17 J LORENZO Honda - - 7
18 A IANNONE Aprilia Gresini - - 6
19 J ZARCO KTM - - 5
20 T RABAT Avintia Ducati - - 1
21 H SYAHRIN Tech3 KTM - - -
22 K ABRAHAM Avintia Ducati - - -

Mundial de Construtores
 
Na disputa entre os Construtores, a Ducati também leva a melhor e lidera com 57 pontos, seis a mais que Honda e Yamaha, que estão empatadas em 51 pontos. A Suzuki tem o quarto posto, só mais dois tentos atrás. KTM aparece na sequência, com a Aprilia na última colocação.

    Poles Vitórias Pontos
1 DUCATI - 1 57
2 HONDA 2 1 51
3 YAMAHA 1 - 51
4 SUZUKI - 1 49
5 KTM - - 18
6 APRILIA - - 17

Mundial de Equipes
 
Completando o domínio vermelho, a Ducati também lidera a disputa no Mundial de Equipes. O time de Bolonha soma 84 pontos, 19 a mais que a Yamaha. Suzuki tem o terceiro posto, com a Honda aparecendo apenas na quarta colocação, 32 pontos atrás da líder.
 
A LCR tem a quinta colocação na tabela, seguida por Pramac, SIC, KTM, Aprilia e Tech3. A Avintia tem o último posto, com um único ponto.

    Poles Vitórias Pontos
1 DUCATI - 1 84
2 YAMAHA 1 - 65
3 SUZUKI - 1 57
4 HONDA 2 1 52
5 LCR - - 41
6 PRAMAC - - 38
7 SIC - - 33
8 KTM - - 23
9 APRILIA - - 19
10 TECH3 - - 7
11 AVINTIA - - 1