Espargaró domina República Tcheca e garante pole-position na Moto2 com 0s282 de vantagem

Pol Espargaró confirmou o excelente desempenho apresentado ao longo do fim de semana e conquistou a pole-position em Brno. Thomas Lüthi e Andrea Iannone completam a primeira fila. Marc Márquez sai em quarto

Pol Espargaró confirmou neste sábado (25) o excelente desempenho apresentado no circuito de Brno ao longo do fim de semana. O espanhol anotou 2min01s953 em seu melhor giro e garantiu a posição de honra com 0s282 de vantagem para Thomas Lüthi, o segundo colocado.

Lüthi e Scott Redding travaram um intenso duelo nos minutos finais do treino, mas o piloto da Interwetten conseguiu levar a melhor. O titular da Marc VDS sai em terceiro, à frente de Marc Márquez, que não conseguiu fazer uma boa volta nos últimos minutos da atividade.
 

Espargaró precisa da vitória para seguir vivo na luta pelo título (Foto: MotoGP)


Simone Corsi sai em quinto, seguido por Andrea Iannone e Takaaki Nakagami. Nicolas Terol ficou em oitavo, com Dominique Aegerter em nono e Johann Zarco completando o top-10.

Eric Granado ficou com a 30ª colocação. O brasileiro anotou seu melhor giro em 2min06s417, 4s464 atrás do tempo da pole de Espargaró.

Saiba como foi o treino deste sábado:

Lüthi começou a sessão na ponta, mas logo teve sua marca batida por Márquez. Granado começou a sessão na 29ª colocação ao anotar 2min06s714.

Na sequência, Espargaró anotou 2min02s837 e subiu para o segundo posto. Ainda nos primeiros minutos, Elena Rosell sofreu uma queda na curva 3 de Brno, destruindo a moto. Com oito minutos de treino, Iannone sofreu uma queda também na curva 3 por causa do óleo que vazou da moto da espanhola. A direção optou por interromper a sessão com bandeira vermelha para limpar o traçado.

De volta à pista, Lüthi cravou 2min02s418 e assumiu a ponta. Márquez reagiu, baixou para 2min02s342 e recuperou a pole. Na sequência, surgiram as primeiras bandeiras de chuva no circuito, levando a maior parte dos pilotos aos boxes.
 

Redding lutou pelo segundo posto com Lüthi até o fim (Foto: MotoGP)


Após um breve período nos boxes, os pilotos voltaram para a pista, com Espargaró assumindo a ponta. Redding logo anotou 2min02s239 e tomou a ponta. Pol respondeu, baixou para 2min01s989 e recuperou a liderança.

Com pouco mais de cinco minutos para o fim, Lühti anotou 2min02s332 e tomou a terceira colocação de Márquez. Alex De Angelis, que vinha em 16º, sofreu uma forte queda, mas não se feriu com gravidade.
 

Márquez abre a segunda fila de Brno (Foto: MotoGP)


Lüthi apertou o passo e subiu para o segundo lugar, 0s246 atrás de Espargaró. Com o cronometro zerado, Pol baixou seu tempo de volta para 2min01s953 e ratificou a pole.

Márquez ainda tentava melhorar sua quarta colocação, mas preso no tráfego, não conseguiu ser mais rápido.

Moto2, GP da República Tcheca, Brno, Grid de largada:
 

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube