Morbidelli revela papo franco com Yamaha e diz que azar lhe deixou com moto defasada

O ítalo-brasileiro torceu para que o destino lhe devolva aquilo que o azar lhe tirou. O piloto da SRT explicou que a cúpula da Yamaha entende como ele se sente

Jack Miller celebrou a vitória com os integrantes da Ducati (Vídeo: MotoGP

Franco Morbidelli acredita que não conseguiu uma Yamaha atualizada por azar. O piloto da SRT revelou que teve uma conversa com Lin Jarvis, diretor da equipe de Iwata, e agora torce para que o destino devolva aquilo que lhe tirou.

Vice-campeão da MotoGP no ano passado, Morbidelli é o único entre os quatro pilotos da Yamaha que não conta com a YZR-M1 de 2021. O campeão de 2017 da Moto2 segue com a moto de 2019.

Franco Morbidelli foi 3º em Jerez, seu melhor resultado em 2021 até o momento (Foto: SRT)

LEIA MAIS
⇝ Sorte sorri para Miller, que apazigua críticos e sai protagonista do GP do Espanha
⇝ Falta de segurança irrita pilotos e coloca futuro da MotoGP em Jerez em xeque
⇝ Red Bull Rookis Cup: a categoria de base de ouro do Mundial de Motovelocidade

Depois de um início de ano mais irregular, Franco voltou aos trilhos no GP de Portugal e, no GP da Espanha, conseguiu o primeiro pódio no ano, com um terceiro lugar em Jerez.

Ao site italiano GPOne, Morbidelli contou que conversou com Lin Jarvis, diretor da Yamaha, e entendeu que foi falta de sorte que o manteve com o protótipo desatualizado.

“Eu conversei com Lin Jarvis e fomos muito francos um com o outro”, disse Morbidelli. “Ele entende a forma como me sinto, mas nós dois chegamos à conclusão de que foi uma questão de azar. Meu contrato, a Covid, tudo influenciou”, seguiu.

“Só espero que aquilo que o destino me tirou volte para mim no futuro”, completou.

A MotoGP volta à ação no dia 16 de maio, com o GP da França, quinta etapa do calendário. Acompanhe a cobertura do GRANDE PRÊMIO sobre o Mundial de Motovelocidade.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar