carregando
MotoGP

Iannone admite que “não deveria ter saído da Ducati” no fim de 2016

Andrea Iannone perdeu a disputa com Andrea Dovizioso pela vaga na Ducati apesar de ter sido o responsável por encerrar o jejum de vitórias do time vermelho. O #29 cumpre atualmente uma suspensão por doping

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Andrea Iannone admitiu que se arrepende da saída da Ducati, no fim da temporada 2016 da MotoGP. Desde então, o italiano passou dois anos com a Suzuki e, atualmente, é contrato pela Aprilia.
 
Iannone subiu para a MotoGP em 2013 com a Pramac, e, em 2015, foi promovido ao time de fábrica de Borgo Panigale. Apesar de ter encerrado a seca de vitórias da marca italiana no GP da Áustria de 2016, o piloto de Vasto não conseguiu vencer a disputa com Andrea Dovizioso pela vaga.
Andrea Iannone fez suas melhores temporadas na MotoGP com a Ducati (Foto: Divulgação/MotoGP)
Paddockast #58
COMO SERIA O GRID DA F1 SEM PILOTOS DA F1?

Ouça:
Spotify | iTunes | Android | playerFM

Um dos fatores que pesou contra Iannone foi a atuação no GP da Argentina daquele ano, quando desperdiçou um pódio duplo para a Ducati ao derrubar Dovizioso na última curva.
 
No mês passado, em uma sessão de perguntas e respostas no Instagram de Max Biaggi, Andrea já tinha reconhecido que “não deveria ter me afastado da Ducati”.
 
“Olhando para trás, você sempre mudaria algo do seu passado”, escreveu Iannone. “No meu caso, não deveria ter saído da Ducati”, admitiu.
 
“As temporadas 2015 e 2016 foram muito boas para mim. A moto era particularmente assustadora em aceleração e na frenagem, mas sofria na entrada de curva”, recordou. “Eu mudei para a Suzuki [em 2017] e encontrei o oposto. Hoje, nós precisamos de um equilíbrio para fazer bem uma moto que freie e tenha tração”, apontou.
 
Em 2019, Iannone mudou para a Aprilia e, apesar de ter conquistado o melhor resultado do time ― um sexto lugar ―, foi bastante ofuscado por Aleix Espargaró.
 
 
COMO SE PREVENIR DO CORONAVÍRUS:
 
☞ Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel.
☞ Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.
☞ Evite aglomerações se estiver doente.
☞ Mantenha os ambientes bem ventilados.
☞ Não compartilhe objetos pessoais.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.