MotoGP

Iannone exalta recepção calorosa na Aprlia e afirma: “Sou um piloto importante para eles”

Andrea Iannone está de casa nova para 2019 e já vê com entusiasmo todo o trabalho que vai ser feito com a Aprilia. Já no primeiro contato com a equipe, o italiano afirmou que foi muito bem recebido, o que mostra que ele é um piloto importante para a esquadra
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Andrea Iannone (Foto: Aprilia)
Andrea Iannone mal chegou à Aprilia e já mostrou bastante entusiasmo com o time. O italiano ressaltou como foi bem recebido por todos os membros, o que o mostrou que ele é peça fundamental para a equipe.
 
O piloto já fez sua estreia com as cores da esquadra no primeiro dia de treinos coletivos pré-temporada, em Valência, onde completou 15 voltas em cima da RS-GP. Apesar de não ter rodado tanto quanto gostaria, o que chamou mesmo a atenção foi a receptividade nos boxes.
 
“Tem sido muito legal”, falou. “Encontrei muitas pessoas que me esperavam com muito entusiasmo. O calor com que me receberam me deu muito prazer. Me dei conta de que para a Aprilia, e para todos que estão nos boxes, sou um piloto importante, e em minha opinião isso é uma ótima base para começar um trabalho importante no futuro”, continuou.
Andrea Iannone (Foto: Aprilia)
Mesmo que Andrea tenha recebido permissão da Suzuki, com quem tem contrato até o final do ano, para subir na moto da Aprilia, ainda não pode fazer grandes comentários técnicos e nem compará-la com a GSX-RR.
 
“É uma Aprilia. É uma moto como as outras. Tem um motor, um chassi, uma carenagem e tudo se comanda com um acelerador, por isso estou feliz”, brincou.
 
“De qualquer maneira, rodamos muito pouco, pois o clima não ajudou. O suficiente apenas para encontrar a posição do assento, algo que dedicamos muito tempo. Mas estou feliz em como correu o dia”, completou.
 
“A primeira impressão não foi ruim, mas com poucas voltas é difícil de dizer. Para poder dar uma avaliação mais profunda preciso ter melhores feelings e poder acelerar um pouco ao limite. Nesta terça, não tivemos tempo para fazer isso, não alcançamos esse nível”, encerrou.