Marc Márquez comemora competitividade na Áustria: “Meu melhor domingo do ano”

Marc Márquez esteve próximo da vitória no GP da Áustria. Com pista seca, ocupou as primeiras posições durante toda a prova. Quando a chuva caiu, perdeu o controle da moto, mas elogiou o desempenho da Honda no Red Bull Ring

Valentino Rossi foi homenageado pela torcida com uma enorme bandeira no Red Bull Ring (Vídeo: MotoGP)

Quando a classificação para o GP da Áustria terminou, Marc Márquez se viu na quinta colocação, mas admitiu que a Honda não tinha ritmo para brigar pela vitória. No domingo (15), o espanhol terminou em 15º, mas ocupou as primeiras posições durante boa parte da corrida e só ficou longe do segundo triunfo no ano por uma queda com a pista molhada.

Partindo em quinto, Márquez rapidamente se colocou na briga pelas primeiras posições contra Fabio Quartararo e Francesco Baganaia, inclusive liderando em alguns momentos. Quando a chuva apertou, nas voltas finais, parou para trocar de moto junto com os outros líderes. Durante a caça a Brad Binder, com a pista molhada, caiu na curva 1 e terminou só em 15º.

“Na situação que estamos neste ano, prefiro brigar pela vitória ou com os ponteiros no seco do que vencer uma corrida na chuva. Logo, hoje eu gostei muito da corrida. Me senti competitivo e era capaz de brigar. O Pecco [Francesco Bagnaia] andou muito bem, mas eu estava junto dele e, no fim, senti algo especial”, disse o hexacampeão da MotoGP.

Marc Márquez brigou muito com Francesco Bagnaia e Fabio Quartararo (Foto: AFP)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

“Ants da corrida, parecia que a chuva ia me ajudar, mas foi o oposto. Fizemos grandes avanços ao longo do fim de semana, mas ainda há muito para entendermos. Estou feliz com a corrida. É só um ponto conquistado, mas realmente aproveitei. Foi meu melhor domingo do ano”, concluiu.

Com o ponto obtido no 15º lugar do GP da Áustria, Marc se manteve na 11ª posição do campeonato, com 59 tentos conquistados após 11 etapas. A MotoGP volta a acelerar no próximo dia 29 de agosto, com o GP da Grã-Bretanha, em Silverstone. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2021.

LEIA TAMBÉM
Aos 42, Rossi decide por aposentadoria e encerra história na MotoGP em 2021
Maior da história ou não, Rossi teve impacto transformador e popularizou MotoGP
Ídolo, referência e lenda: mundo do esporte a motor reage à aposentadoria de Rossi
Obrigada, Vale
Martín tira atraso de lesão e ratifica adaptação rápida com vitória no GP da Estíria
Fabio Quartararo: 2020 x 2021
Fim triste mostra que relação entre Viñales e Yamaha deveria ter acabado antes

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar