Marc Márquez lidera treino 1 em Silverstone mesmo com queda forte. Quartararo é 3º

O espanhol surgiu forte desde o início da primeira atividade na Grã-Bretanha, mas caiu a mais 260 km/h com pouco menos de 2 minutos para o fim, motivando uma bandeira vermelha. Mesmo com a sessão retomada, a Honda manteve o comando, à frente de Aleix Espargaró e Fabio Quartararo

Álex Rins e Joan Mir visitaram a fábrica da Williams antes do GP em Silverstone (Vídeo: MotoGP)

Marc Márquez teve uma manhã de extremos em Silverstone. O espanhol de Cervera apareceu competitivo desde o início desta sexta-feira (27) e passou grande parte do primeiro treino livre para o GP da Grã-Bretanha no topo da tabela, mas também sentiu as dores de uma forte queda ao perder o controle da RC213V a mais de 260 km/h.

Faltando pouco menos de dois minutos para o fim da sessão, Marc perdeu a dianteira da moto na saída da Maggotts, a curva 3, e sofreu uma queda forte, executando uma série de rolamentos antes de parar no asfalto. O hexacampeão levantou rápido, mas a moto ficou destruída, o que motivou a paralisação do treino para a limpeza da pista.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Marc Márquez liderou o primeiro treino em Silverstone (Foto: Repsol)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

A retomada da atividade não possibilitou mudanças na tabela. Assim, Marc assegurou a liderança com 2min00s941, 0s250 melhor que Aleix Espargaró, o segundo colocado. Líder do Mundial, Fabio Quartararo colocou a Yamaha no terceiro posto, 0s360 atrás do ponteiro.

Com 2min01s336, Pol Espargaró ficou com a quarta colocação, diante de Jack Miller, Takaaki Nakagami e Álex Rins. Francesco Bagnaia foi oitavo, com Johann Zarco e Álex Márquez completando um top-10 coberto por 0s929.

Com o time de fábrica da Yamaha, Cal Crutchlow acabou em 12º, 1s025 atrás do líder. O estreante Jake Dixon foi o 21º, com 2min03s939.

A largada do GP da Grã-Bretanha de MotoGP, em Silverstone, está marcada para as 9h (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2021.

WEB STORY
# Fatos e curiosidades do GP da Grã-Bretanha de MotoGP

Saiba como foi o primeiro treino da MotoGP para o GP da Grã-Bretanha:

A sexta-feira em Silverstone amanheceu nublada e com baixas temperaturas. Na hora do primeiro treino do fim de semana, os termômetros mediam 14°C, com o asfalto chegando a 19°C. A umidade relativa do ar era de 81%, com a velocidade do vento em 10 km/h.

Com a saída definitiva de Maverick Viñales da Yamaha, Cal Crutchlow veste em casa o uniforme da equipe de fábrica, enquanto o também britânico Jake Dixon sobe da Moto2 para estrear na classe rainha como substituto de Franco Morbidelli na SRT. O ítalo-brasileiro ainda se recupera de uma cirurgia no joelho.

Jake Dixon debutou na MotoGP no primeiro treino livre em Silverstone (Vídeo: MotoGP)

Fabio Quartararo abriu o dia no topo da tabela com 2min03s147, 2s061 melhor que Marc Márquez, o segundo colocado. Jack Miller vinha em terceiro, acompanhado por Danilo Petrucci e Pol Espargaró.

Na sequência, o francês da Yamaha baixou o tempo, alcançando 2min02s646, o que lhe rendeu 1s294 de margem para Miller, que agora vinha em segundo. Álex Rins tinha subido para terceiro, diante de Aleix Espargaró.

O mais velho dos Márquez, então, foi a 2min02s281 para assumir a liderança em uma dobradinha da Honda com Pol Espargaró, com Quartararo caindo para terceiro, 0s300 atrás do hexacampeão da MotoGP.

O espanhol de Cervera engatou outro bom giro para manter a liderança com 2min01s982, 0s309 melhor que Miller. Valentino Rossi saltou para terceiro, 0s352 atrás de Marc.

Marc Márquez tomou a liderança ainda no começo do primeiro treino em Silverstone (Vídeo: MotoGP)

Logo em seguida, porém, Quartararo foi a 2min01s887 e reassumiu o comando, 0s095 melhor que Márquez. Miller vinha em terceiro.

Johann Zarco veio na esteira com 2min01s795 e saltou para a ponta, 0s079 melhor que Aleix. Fabio, contudo, não deixou por menos e tratou de colocar o conterrâneo na segunda colocação, 0s475 atrás.

O líder da MotoGP, no entanto, também não manteve o comando da sessão. Márquez foi a 2min01s135 e voltou à primeira posição, abrindo 0s185 de margem para o piloto da Yamaha. Miller era o terceiro, com Pol Espargaró, Zarco, Aleix Espargaró, Álex Márquez, Francesco Bagnaia, Takaaki Nakagami e Valentino Rossi fechando o top-10.

Pouco depois, Álex Márquez caiu na Farm, a curva 12, mas escapou de lesões mais sérias. A moto, porém, saiu ‘ferida’, o que fez o espanhol voltar a pé para os boxes da Honda.

Álex Márquez caiu em meados do primeiro treino na pista de Northamptonshire (Vídeo: MotoGP)

Com pouco mais de 15 minutos para o fim da sessão, Marc conseguiu melhorar ainda mais, chegando a 2min01s020 para abrir 0s281 de margem para Quartararo. Miller era o terceiro, diante de Pol e Aleix Espargaró.

Minutos depois, Danilo Petrucci avançou para a oitava colocação, com Brad Binder melhorando para ser 12º, 1s172 atrás do líder Márquez.

Bagnaia também apertou o passo nos minutos finais da sessão e avançou para oitavo, 0s943 mais lento que Márquez. Petrucci e Álex Márquez vinham em seguida, com Jorge Martín em 11º.

Faltando pouco menos de cinco minutos para a bandeirada, Pol foi a 2min01s336 e assumiu o terceiro posto, 0s395 atrás do companheiro de Honda. Na sequência, Aleix virou 0s250 mais lento que Marc e subiu para o segundo lugar, com Nakagami se instalando em sexto.

Com pouco menos de 3 minutos para o fim, Jorge Martín caiu na Farm, motivando uma bandeira amarela. Pouco depois, na saída da Maggotts, a curva 2, Marc Márquez caiu, causando uma bandeira vermelha.

Marc Márquez caiu em alta velocidade em Silverstone (Foto: MotoGP)

O titular da Honda perdeu a frente da RC213V e caiu, executando uma série de rolamentos por um longo trecho de grama, voltando para a pista pouco depois. O espanhol levantou rápido, mas a moto ficou destruída.

Depois da interrupção, a sessão até foi reiniciada para os minutos finais, mas sem mudanças na tabela de tempos.

LEIA TAMBÉM
Fim triste mostra que relação entre Viñales e Yamaha deveria ter acabado antes
Binder arrisca na chuva e encerra jejum de um ano com vitória corajosa na Áustria
De pódio à suspensão: Yamaha vai do céu ao inferno na rodada do Red Bull Ring
Suzuki põe atualizações para funcionar, e Mir ganha fôlego. Rins ainda titubeia
Bagnaia mostra força em briga por título, mas precisa encontrar primeira vitória
Zarco cai em momento crucial da temporada e se afasta da briga pelo título
WEB STORY: Sete vencedores em 11 GPs: um retrato da temporada 2021 da MotoGP

MotoGP 2021, GP da Grã-Bretanha, Silverstone, Treino Livre 1:

1M MÁRQUEZHonda2:00.951 
2A ESPARGARÓAprilia Gresini2:01.191+0.240
3F QUARTARAROYamaha2:01.301+0.350
4P ESPARGARÓHonda2:01.336+0.385
5J MILLERDucati2:01.409+0.458
6T NAKAGAMILCR Honda2:01.422+0.471
7A RINSSuzuki2:01.596+0.645
8F BAGNAIADucati2:01.783+0.832
9J ZARCOPramac Ducati2:01.795+0.844
10A MÁRQUEZLCR Honda2:01.870+0.919
11D PETRUCCITech3 KTM2:01.956+1.005
12C CRUTCHLOWYamaha2:01.966+1.015
13J MARTÍNPramac Ducati2:02.102+1.151
14B BINDERKTM2:02.111+1.160
15J MIRSuzuki2:01.219+0.268
16V ROSSISRT Yamaha2:02.334+1.383
17I LECUONATech3 KTM2:02.400+1.449
18E BASTIANINIAvintia Ducati2:02.526+1.575
19M OLIVEIRAKTM2:02.620+1.669
20L MARINIAvintia VR46 Ducati2:03.196+2.245
21J DIXONSRT Yamaha2:03.939+2.988
22L SAVADORIAprilia Gresini2:07.699+6.748

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar