Marc Márquez vê pilotos da Honda com dificuldade no Catar: “Estou preocupado”

Dono do 14º tempo no segundo dia de testes da MotoGP no Catar, Marc Márquez admitiu o incômodo com a situação da Honda. O #93 explicou que a fábrica da asa dourada sabe qual é a dificuldade, mas ainda não conseguiu solucionar

Marc Márquez fechou o segundo dia de testes da MotoGP no Catar preocupado. O seis vezes campeão da classe rainha avaliou que todos os pilotos da Honda estão com dificuldades e viu uma mudança completa na competitividade da RC213V em relação ao teste feito na Malásia. 
 
Neste domingo (23), Marc completou um total de 46 voltas, a melhor delas em 1min55s093, e ficou com o 14º tempo, 1s055 atrás de Fabio Quartararo, o líder das atividades.
 
Questionado se estava preocupado com a situação da Honda no traçado de Losail, Marc respondeu: “Claro que estou preocupado, porque eu gostaria de ser rápido em todas as voltas, todas as pistas. Mas é verdade que estamos preocupados nesta pista”. 
Marc Márquez (Foto: Honda)
Paddockast #49
RAÍ CALDATO: O ARTISTA PREFERIDO DE LEWIS HAMILTON

Ouça:

Spotify | iTunes | Android | playerFM

“Nós temos alguns problemas que estamos tentando analisar de onde eles vêm, porque todos os pilotos da Honda ― especialmente com a moto nova ― estão com muita dificuldade neste ponto”, apontou.
 
O #93 citou Cal Crutchlow, que ficou com o penúltimo tempo, 2s140 atrás do líder. O britânico da LCR, porém, caiu em meados da sessão, completou só 27 voltas e ainda não sabe se poderá voltar à pista na segunda-feira, dia final da pré-temporada.
 
“Veja que, por exemplo, Crutchlow, ele é um piloto rápido aqui, mas está com muita dificuldade, também caiu. Nós estamos forçando, mas apenas tentamos analisar, porque sabemos onde está o problema, mas não podemos solucionar no momento. Então, é, passo a passo, vamos tentar”, disse. “Mas, é, por outro lado, na Malásia fomos bem rápidos, fomos consistentes, estávamos pilotando bem. Então foi como noite e dia, é verdade, mas o positivo é que este é o circuito mais especial do calendário”, ponderou.
 
O próprio Marc também se acidentou neste domingo. “A queda foi na curva 8, uma mudança de direção que agora tenho de fazer de outra forma. Quase tive que saltar da moto. Forcei demais os estribos e a direção travou”, explicou. “Além disso, agora eu não estou em condições de salvar quedas”, reconheceu o espanhol, que ainda se recupera de uma cirurgia no ombro direito.
 
Já na Malásia, Márquez tinha admitido que a RCV seguia com as mesmas falhas de 2019, mas garante que a Honda está empenhada em solucionar o problema para o GP do Catar.
 
“Acho que a temporada vai ser diferente, mas, no primeiro GP, normalmente nós normalmente sofremos muito, e precisamos ter tudo nos lugares certos se quisermos encontrar um bom resultado”, declarou. 

#GALERIA(10037)
 

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube