MotoGP

Márquez elogia Bautista na Austrália e afirma: “Faz ver que temos que tomar cuidado com a Ducati”

Marc Márquez ficou impressionado em como Álvaro Bautista e saiu bem substituindo Jorge Lorenzo na Austrália. O titular da Honda afirmou que a quarta colocação do espanhol mostra como a Ducati é uma moto bastante competitiva
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Álvaro Bautista (Foto: Divulgação/MotoGP)
A atuação de Álvaro Bautista na Austrália encheu os olhos de Marc Márquez. Falando na coletiva de imprensa na Malásia, o pentacampeão ressaltou que o bom resultado do piloto apenas evidenciou a grande competitividade da Ducati em 2018.
 
O espanhol substituiu o lesionado Jorge Lorenzo na corrida em Phillip Island. Em sua primeira oportunidade em uma moto de fábrica, fez bonito e terminou a corrida em quarto após até mesmo brigar pelas posições do pódio.
 
Observando o desempenho de Bautista e sua rápida adaptação a Desmosedici, ressaltou que a moto da equipe italiana é muito forte. “Está claro que Álvaro é um piloto com muita experiência, que vai rápido com a moto que pilota, que acredito que é do ano passado”, comentou.
Álvaro Bautista (Foto: Ducati)
“Mas quando está em uma equipe de fábrica, mesmo que seja para apenas uma corrida, e não tem nada a perder, isso lhe dá um grande impulso moral, pois a moto é um pouco melhor do que comanda normalmente”, emendou.
 
“Mas quando alguém sobe nessa moto sem conhecê-la e que na primeira corrida já está na frente, me faz ver que temos que tomar cuidado com a Ducati, temos que ficar de olho”, continuou o piloto.
 
Para Márquez, a prova em Phillip Island não teve o desfecho ideal. O piloto abandonou a disputa após Johann Zarco acertá-lo por trás e quebrar sua moto. “Está claro que não foi minha culpa, pois sempre é sempre de quem vem de trás, como com carro. Mas como já disse, foi um lance de corrida, não pude frear, está tudo bem com Johann”, encerrou.