Márquez escapa de fraturas após forte queda e está apto para correr em Sepang

Marc Márquez passou por um grande susto na classificação do GP da Malásia. Na parte final da sessão, acabou sofrendo uma forte queda na curva 2 quando estava com os pneus frios. Mas Ángel Charte, diretor-médico da MotoGP, já descartou lesões internas e fraturas no espanhol

Marc Márquez escapou sem grandes consequências do grande susto que sofreu neste sábado (2). Na classificação na Malásia, o espanhol sofreu uma forte queda, mas o médico Ángel Charte descartou fraturas ou lesões internas.
 
Na parte final do Q2 da tomada de tempos da MotoGP, o titular da Honda estava em quinto e ainda estava com os pneus frios. Então acabou sofrendo um forte highside na curva 2 e caiu com violência no chão.
 
Apesar do susto, o hexacampeão deixou a pista andando, apenas aparentando dor. No final, alinhou no grid para o GP da Malásia apenas na quarta fila, no 11º posto. O #20 da SIC ficou com a pole-position.
O momento do acidente (Foto: Reprodução)
Ao explicar o quadro do competidor, o diretor-médico do Mundial afirmou que “fisicamente está dolorido, sofreu uma forte queda com policontusões, sobretudo na parte inferior do corpo, em ambos os joelhos e também contusões nos dois ombros.”
 
“O primeiro exame indica que não há fraturas ou lesões internas. Agora, o indicamos um tratamento com anti-inflamatório e amanhã de manhã veremos a evolução e como está depois de passar a noite”, seguiu.
 
Questionado se o espanhol poderia disputar a prova, apenas disse que “atualmente, está apto para a corrida, mas vamos ver a evolução do tratamento”, concluiu.
 

Paddockast #40
QUEM VOCÊ ENTREVISTARIA NO GP DO BRASIL?


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM


GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube