Márquez impõe ritmo dominante e conquista segunda pole do ano na Moto2 em Barcelona. Morbidelli é 6º

Não deu para ninguém na classificação da Moto2 para o GP da Catalunha. Neste sábado (10), Álex Márquez dominou grande parte da tomada de tempos para assim conquistar sua segunda pole-position do ano. Mattia Pasini é o segundo, com Lorenzo Baldassarri em terceiro

Álex Márquez se mostrou absoluto neste sábado (10) de classificação para o GP da Catalunha da Moto2. Com a marca de 1min49s408, o espanhol da Marc VDS ficou com a pole-position para a corrida deste domingo.
 
O #73 mostrou que era o competidor a ser batido assim que os cronômetros começaram a rodas em Montmeló. Quando foram para o traçado, Mattia Pasini chegou a pontear a tabela, mas não por muito tempo.
 
Com menos de dez minutos com os relógios acionados no circuito de Barcelona, Álex logo tomou a ponta com o tempo que, mais tarde, o faria conquistar a posição de honra do grid.
 
Quem ficou com a segunda posição do grid de largada para o GP da Catalunha foi Mattia Pasini, com Lorenzo Baldassarri fechando a primeira fila.
 
Luca Marini teve um golpe de falta de sorte ainda antes do início da classificação. Vítima de uma queda nos treinos da sexta-feira, o piloto acabou lesionando o ombro, e volta para as pistas apenas na etapa de Assen.
Álex Márquez (Foto: Marc VDS)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Confira como foi a classificação da Moto2 em Montmeló:
 

Assim como nas atividades da parte da manhã, o céu estava azul e o calor predominava. Os termômetros marcavam 30ºC, enquanto o asfalto chegava aos 51ºC.
 
Assim que os cronômetros começaram a rodar, os pilotos logo se encaminharam para o traçado em Barcelona. Quem anotou a primeira marca mais veloz foi Mattia Pasini, com 1min50s424.
 
Mas logo ele seria superado por Álex Márquez, que cravou 1min49s408, seguido por Morbidelli, Pasini, Viñales e Lüthi completando o top-5 dos primeiros minutos da sessão.
 
Quando os relógios indicavam cerca de 30 minutos para o encerramento das atividades, o ponteiro espanhol foi aos boxes para a primeira parada do treino, assim como todos os pilotos do rol dos cinco primeiros.
 
Menos de dez minutos após as paradas, os primeiros competidores começavam a voltar para o traçado. Naquele momento, o #73 sustentava uma vantagem de 0s863 para o segundo colocado.
 
Foi quando o cronômetro indicava 16 minutos para o fim do treino as câmeras focaram um piloto caído na curva 4. Era Tetsuta Nagashima, que acabou perdendo sua moto e indo reto, acertando o muro de proteção do circuito. Apesar de ter ficado no chão, lgo que a equipe de resgate chegou ele se levantou.
 
Enquanto isso, poucas mudanças eram vistas nas primeiras posições. Os pilotos novamente se dirigiram para a segunda parada do treino. Enquanto Márquez ainda reinava absoluto, agora era Baldassarri quem ocupava o segundo posto, seguido por Lüthi, Morbidelli e Pasini.
 
Quando Quartararo vinha em sua volta rápida em ótimo ritmo, viu um golpe de sorte acertá-lo. O piloto acabou sofrendo uma queda na curva 15, abortando o giro e voltando aos boxes.
 
Nos últimos cinco minutos, uma surpresa quando Nakagami pulou para a terceira posição, sustentando uma desvantagem de 0s793 para o ponteiro da Marc VDS. Na sua frente, Baldassari, e atrás era Lüthi e Morbidelli.
 
No giro seguinte, Pasini logo tratou de mostrar a boa fase que está passando. O piloto tratou de esmagar a diferença que tinha para Álex, aparecendo em segundo com um tempo 0s107 mais lento.
 
Dali para o final mais nada mudaria na pista. Márquez conquistou a pole-position para o GP da Catalunha, com Pasini largando em segundo, com Baldassari, Nakagami e Lüthi completando o top-5 da classificação.

#GALERIA(7067)

A NOVA F1 SE APROXIMA MAIS DA INDY. E ÁUDIO EM MÔNACO É PROVA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube