Martín implode recorde de Barcelona com cronômetro zerado e larga na frente na Moto3. Mir sai em quinto

Jorge Martín foi impecável em sua volta final em Barcelona na tarde deste sábado (10) e faturou a pole-position – a quinta do ano – da Moto3. 0s627 mais lento, Arón Canet sai em segundo, com Juanfran Guevara fechando a primeira fila

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Jorge Martín é mesmo o rei das poles na temporada 2017 da Moto3. Impecável em seu último giro no treino classificatório deste sábado (10), o piloto da Gresini anotou a quinta posição de honra do grid nas sete corridas disputadas até aqui.
 
Arón Canet dominou o treino desde o acionar do cronômetro, mas não fez uma última tentativa de melhorar sua marca ao evitar ceder vácuo para a concorrência. Martín, então, aproveitou sua 11ª volta para cravar 1min53s368, baixar o recorde da pista em 0s656 e tomar a ponta do grid do espanhol da Estrella Galicia 0,0 com autoridade.
Jorge Martín ficou com a pole-position em Montmeló (Foto: Gresini)
Juanfran Guevara foi 0s659 mais lento que o ponteiro e ficou com o terceiro posto, à frente de Romano Fenati, que abe a segunda fila. Líder do Mundial, Joan Mir vem na sequência.
 
Marco Ramírez conquistou o sexto posto, à frente de Enea Bastianini, Fabio Di Giannantonio e Tatsuki Suzuki. Niccolò Antonelli fecha o top-10.
 
Saiba como foi o treino classificatório da Moto3 na Catalunha:
 
Seguindo a tônica desta manhã, o sol seguiu reinando em Montmeló, o que elevou as temperaturas no início da tarde. Na hora da classificação da Moto3, os termômetros apontavam 32°C, com o asfalto chegando a 47°C. A velocidade do vento estava em 8 km/h.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Líder do Mundial, Joan Mir abriu o treino no topo da tabela, 0s142 à frente de Jorge Martín. Fabio Di Giannantonio, Arón Canet e Lorenzo Dalla Porta completavam o top-5.
 
Na passagem seguinte, Canet saltou para o comando, 0s072 à frente de Mir. Martín assumiu o terceiro posto. Di Giannantonio, por sua vez, sofreu uma queda na curva cinco, mas escapou de maiores problemas físicos e logo retornou aos boxes.
 
Antes de parar nos boxes pela primeira vez na sessão, Canet melhorou sua marca para 1min53s995, abrindo 0s559 de margem para Mir, o segundo colocado. Martín era terceiro, à frente de Fenati e Sasaki.
 
De volta, Antonelli cravou 1min55s022 e avançou ao sétimo posto, já 1s027 atrás de Canet, que seguia na pole provisória.
 
Pouco depois, Martín avançou para a segunda colocação, levando a vantagem de Canet para apenas 0s069. Suzuki também foi melhor e era agora o terceiro, seguido por Mir e Oettl.
 
Guevara, então, deu um enorme salto e avançou para a segunda colocação, apenas 0s032 mais lento que o tempo da pole provisória.
 
Completados os dois primeiros trecos da sessão, os pilotos foram para os boxes uma última vez. Com menos de dez minutos para o fim, o top-10 era formado por Canet, Guevara, Martín, Mir, Suzuki, Oettl, Fenati, Di Giannantonio, Bastianini e Bulega.
 
A volta à pista demorou a acontecer, já que os pilotos da Moto3 tem o hábito de esperar pelo vácuo daqueles mais rápidos. Com 4 minutos para o fim, não dava mais para esperar e os pilotos, enfim, deixaram os boxes.
 
Mais rápido, Canet foi seguido por Fenati na entrada da pista e o espanhol fez de tudo para espantar o rival. 
 
Com a bandeira quadriculada tremulando em Barcelona. Mir avançou ao terceiro posto, 0s041 mais lento que Canet. Pouco depois, Fenati tomou a colocação, 0s005 melhor.
 
Martín, então, apareceu no fim e roubou a pole com uma volta espetacular.
 

#GALERIA(7067)

Moto3, GP da Catalunha, Montmeló, Classificação:

1 88 JORGE MARTÍN ESP GRESINI Honda 1:53.368  
2 44 ARÓN CANET ESP ESTRELLA GALICIA 0,0 Honda 1:53.995 +0.627
3 58 JUANFRAN GUEVARA ESP RBA Mahindra 1:54.027 +0.659
4 5 ROMANO FENATI ITA ONGETTA Honda 1:54.031 +0.663
5 36 JOAN MIR ESP KIEFER Honda 1:54.036 +0.668
6 42 MARCOS RAMÍREZ ESP WORLDWIDE KTM 1:54.126 +0.758
7 33 ENEA BASTIANINI ITA ESTRELLA GALICIA 0,0 Honda 1:54.151 +0.783
8 21 FABIO DI GIANNANTONIO ITA GRESINI Honda 1:54.201 +0.833
9 24 TATSUKI SUZUKI JAP SIC58 Honda 1:54.316 +0.948
10 23 NICCOLÒ ANTONELLI ITA RED BULL KTM AJO 1:54.331 +0.963
11 19 GABRIEL RODRIGO ARG RBA Mahindra 1:54.379 +1.011
12 48 LORENZO DALLA PORTA ITA ASPAR Mahindra 1:54.395 +1.027
13 14 TONY ARBOLINO ITA SIC58 Honda 1:54.421 +1.053
14 8 NICOLÒ BULEGA ITA VR46 KTM 1:54.436 +1.068
15 64 BO BENDSNEYDER HOL RED BULL KTM AJO 1:54.474 +1.106
16 27 KAITO TOBA JAP TEAM ASIA Honda 1:54.535 +1.167
17 65 PHILIPP OETTL ALE SCHEDL GP KTM 1:54.589 +1.221
18 16 ANDREA MIGNO ITA VR46 KTM 1:54.826 +1.458
19 17 JOHN MCPHEE ING BRITISH TALENT TEAM Honda 1:54.875 +1.507
20 71 AYUMU SASAKI JAP SIC Racing Team KTM 1:54.899 +1.531
21 95 JULES DANILO FRA ONGETTA Honda 1:54.917 +1.549
22 40 DARRYN BINDER RSA WORLDWIDE KTM 1:55.018 +1.650
23 11 LIVIO LOI BEL KIEFER Honda 1:55.141 +1.773
24 7 ADAM NORRODIN MAL SIC Racing Team Honda 1:55.146 +1.778
25 41 NAKARIN ATIRATPHUVAPAT TAI TEAM ASIA Honda 1:55.149 +1.781
26 12 MARCO BEZZECCHI ITA CIP Mahindra 1:55.156 +1.788
27 96 MANUEL PAGLIANI FRA CIP Mahindra 1:55.197 +1.829
28 63 VICENTE PÉREZ ESP AVINTIA ACADEMY KTM 1:55.216 +1.848
29 6 MARÍA HERRERA ESP ARGIÑANO & GINÉS KTM 1:55.561 +2.193
30 84 JAKUB KORNFEIL TCH SAXOPRINT Peugeot 1:55.611 +2.243
31 81 ALEIX VIU ESP 42 MOTORSPORT KTM 1:56.490 +3.122
32 4 PATRIK PULKKINEN FIN SAXOPRINT Peugeot 1:56.672 +3.304

A NOVA F1 SE APROXIMA MAIS DA INDY. E ÁUDIO EM MÔNACO É PROVA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube