MotoGP

McPhee aparece no final e se coloca como mais rápido do segundo treino livre da Moto3 na Argentina

John McPhee terminou a sexta-feira (29) na Argentina com o pé direito. No segundo treino livre da Moto3 em Termas de Río Hondo, o piloto apareceu no final, anotou o tempo de 1min49s892 e fechou o dia como o mais rápido da tabela

Grande Prêmio / NATHALIA DE VIVO, de São Paulo
John McPhee fechou o primeiro dia de atividades da Moto3 na Argentina da melhor maneira. Nesta sexta-feira (29), o piloto tratou de anotar a marca de 1min49s892 para terminar como o piloto mais veloz da sessão.
 
Com um tempo 0s079 mais lento que o ponteio, Tony Arbolino ficou com a segunda colocação do treino, seguido por Niccolò Antonelli, o terceiro. Gabriel Rodrigo e Tatsuki Suzuki fecharam o top-5 da sessão.
 
Resultado de imagem para emoji microfonePaddockast #12: Quem sobrevive a 'Drive to Survive'?



Resultado de imagem para icon itunes Ouça pelo iTunes 
Resultado de imagem para icon spotify Ouça pelo Spotify


Logo atrás do quinteto, foi o nome de Áron Canet que surgiu na tabela, com Denis Foggia, Jaume Masià, Pérez e Fernández completando o rol dos dez melhores colocados da sexta-feira.

Saiba como foi o treino livre 2 da Moto3 na Argentina:
 
A Moto3 foi a primeira das classes a voltar a acelerar no circuito argentino, com tempo melhor que na parte da manhã e um leve sol marcando presença. Quando voltou para o traçado, o termômetro indicava 25ºC, como o asfalto batendo 40ºC.
 
Após cinco minutos de sessão, os tempos começaram a surgir na tabela. Enquanto as marcas seguiam descendo em Termas de Río Hondo, Lorenzo Dalla Porta protagonizou a primeira queda do treino, escorregando na curva 7.
 
O primeiro piloto que liderou o ensaio na Argentina foi Niccolò Antonelli, com o tempo de 1min50s955. Quem aparecia logo atrás do italiano era Arón Canet, com Tony Arbolino, Tatsuki Suzuki e Jaume Masià completando o top-5.
 
Poucos minutos depois, foi a vez de Kaito Toba ir ao chão na curva 5. O piloto caiu sozinho, mas logo voltou par o traçado com ajuda dos fiscais.
 
Com pouco mais de dez minutos de sessão já completados, os tempos começavam a baixar ainda mais e a ordem na tabela seguiu as mudanças. Antonelli seguia na ponta, seguido por Brad Binder, Masià, McPhee, Suzuki, Canet, Rodrigo, Foggia, Arbolino e Migno.
 
Restando ainda 26 minutos para a bandeira quadriculada, os pilotos começaram a se dirigir para a primeira parada do treino, com os dois primeiros do pelotão já nos boxes.
 
Foi neste momento, então, que Romano Fenati decidiu dar sua volta rápida para saltar para a primeira colocação. O italiano anotou o tempo de 1min50s851, enquanto Rodrigo seguia o piloto e vinha em segundo. Quase todos os pilotos estavam parados.
 
Pouco menos de 20 minutos para encerrar as atividades e a sessão tinha agora um novo nome com o tempo mais rápido. Dalla Porta tratou de anotar 1min50s748, surgindo em primeiro. Fenati, Rodrigo, Antonelli e Binder vinham em seguida.

O tempo seguia rodando no cronômetro, mas a ordem na tabela seguia quase intocada. Dalla Porta ainda era o mais veloz da sessão, seguido por Fenati, Rodrigo, Masià e Antonelli. Neste ponto, a maior parte do pelotão estava parada.
 
Nos cinco minutos finais, todos os pilotos já estavam de volta ao traçado, com a ordem seguindo mantida na tabela. Enquanto isso, alguns competidores passaram pela área de penalização, localizada na curva 7, para ver quanto tempo perderiam.
 
Como de costume, as coisas começaram a ficar agitadas nos instantes finais do ensaio. Com pouco menos de dois minutos para o encerramento, Canet virou 1min50s337 para pular para a ponta. Suzuki e Antonelli apareciam em seguida.
 
Mas o japonês não ficaria muito na liderança, pois logo seria batido por McPhee, que foi o primeiro a anotar um tempo na casa de 1min49s. Arbolino surgia em segundo, com Rodrigo, Suzuki e Canet vindo na sequência.

No final das atividades, foi McPhee quem fechou como o mais veloz do dia. Arbolino veio logo atrás do piloto, com Antonelli, Rodrigo e Suzuki encerrando o top-5 da tabela.

Moto3 2019, GP da Argentina, Termas de Río Hondo, 2º Treino Livre:

1 J MCPHEE SIC HONDA 1:49.892  
2 T ARBOLINO Snipers Honda 1:49.971 +0.079
3 N ANTONELLI SIC58 Honda 1:50.061 +0.169
4 G RODRIGO RBA KTM 1:50.080 +0.188
5 T SUZUKI SIC58 Honda 1:50.132 +0.240
6 A CANET MAX KTM 1:50.337 +0.445
7 D FOGGIA VR46 KTM 1:50.390 +0.498
8 J MASIÀ Worldwide KTM 1:50.572 +0.680
9 V PEREZ Avintia KTM 1:50.575 +0.683
10 R FERNANDEZ Ángel Nieto KTM 1:50.743 +0.851
11 L DALLA PORTA Leopard Honda 1:50.748 +0.856
12 M RAMÍREZ Leopard Honda 1:50.774 +0.882
13 K TOBA Asia Honda 1:50.820 +0.928
14 R FENATI Snipers Honda 1:50.851 +0.959
15 A SASAKI SIC HONDA 1:50.923 +1.031
16 A MIGNO Worldwide KTM 1:50.926 +1.034
17 C ÖNCÜ Red Bull KTM Ajo 1:51.033 +1.141
18 K MASAKI RBA KTM 1:51.080 +1.188
19 D BINDER CIP KTM 1:51.091 +1.199
20 S GARCIA Estrella Galicia 0,0 Honda 1:51.316 +1.424
21 J KORNFEIL Prüstel KTM 1:51.330 +1.438
22 C VIETTI VR46 KTM 1:51.360 +1.468
23 R ROSSI Gresini Honda 1:51.458 +1.566
24 M YURCHENKO RBA KTM 1:51.596 +1.704
25 A LÓPEZ Estrella Galicia 0,0 Honda 1:51.707 +1.815
26 A OGURA Asia Honda 1:52.024 +2.132
27 F SALAC Prüstel KTM 1:52.080 +2.188
28 A VIU Ángel Nieto KTM 1:52.114 +2.222
29 T BOOTH-AMOS CIP KTM 1:52.690 +2.798
         
REC M OLIVEIRA Red Bull KTM Ajo 1:48.977 158.7 km/h
MV M OLIVEIRA Red Bull KTM Ajo 1:48.461 159.5 km/h
         
  Condições do tempo PISTA SECA   ar: 26ºC | pista: 39ºC