MotoGP

Michelin retoma alocação tradicional de pneus em Le Mans onde é “imperativo fazer um bom show”

Correndo em casa neste fim de semana, a Michelin vai levar para o GP da França a tradicional alocação de pneus macios, médios e duros. Desta vez, porém, o pneu duro dianteiro vai contar com o novo composto adicionado à alocação no início da temporada

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Resultado de imagem para emoticon relógio Confira os horários do GP da França de MotoGP
Resultado de imagem para emoji racing Grandes Entrevistas: Luca Marini

Depois de encarar o recém-reformado circuito de Jerez de la Frontera, a Michelin segue para território conhecido com a MotoGP neste fim de semana. Assim, a montadora francesa vai levar para Le Mans sua tradicional alocação de pneus, com slicks macios, médios e duros.
 
Como o traçado francês tem cinco curvas para a esquerda e nove para a direita, os calçados traseiros serão em configuração assimétrica, com a borracha mais resistente depositada do lado direito. 
 
Já que a previsão é de chuva para o fim de semana, a Michelin separou os pneus macios e médios, com os traseiros também assimétricos.
Michelin vai levar alocação tradicional para Le Mans (Foto: michelin)
Resultado de imagem para emoji microfonePaddockast #17: Fórmula 1 no RJ em 2020? Parece mentira... E deve ser mesmo



 Ouça no Spotify
 Ouça no iTunes
 Ouça no Android
 Ouça no playerFM

Além disso, o pneu duro dianteiro vai ser feito com um novo composto que foi adicionado à alocação no início da temporada, enquanto os traseiros terão um composto de nova tecnologia que foi testado na pré-temporada e, depois, introduzido na alocação deste ano.
 
“Este fim de semana é um dos eventos mais importantes do calendário para nós”, disse Piero Taramasso, chefe da divisão de esporte a motor em duas rodas da Michelin. “É a nossa corrida de casa, então temos o apoio dos fãs franceses e também temos uma enorme presença da Michelin na corrida, então tem muita gente que quer que nos saiamos bem, o que significa que é imperativo dar a eles um bom show”, continuou.
 
“Le Mans é um circuito onde temos muitos recordes e também um que usamos como referência, porque o asfalto é muito bom desde que foi reasfaltado, mas isso não significa que não vamos tentar melhorar”, comentou. “Temos novos compostos na gama que foram adicionados depois dos testes no início do ano e isso certamente vai ajudar os pilotos a melhorarem a performance, como aconteceu em Jerez da última vez, e contribuir com o que promete ser outro ótimo evento”, completou.
 
O GP da França de MotoGP está marcado para o domingo, às 9h (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO.
 

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.