MotoGP

Na Moto2, Forward apresenta F2 e resgata cores tradicionais da MV Agusta no retorno ao Mundial

A Forward aproveitou a noite de segunda-feira (11) para apresentar a F2 com que Stefano Manzi e Dominique Aegerter vão disputar a temporada 2019 da Moto2. Parceria com o time de Giovanni Cuzari marca a volta da MV Agusta ao Mundial de Motovelocidade

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
A Forward aproveitou a segunda-feira (11) para exibir a F2 com que Stefano Manzi e Dominique Aegerter vão disputar a temporada 2019 da Moto2. A parceria com o time de Giovanni Cuzari marca a volta da MV Agusta ao Mundial de Motovelocidade.
 
Em um evento realizado em Milão, na Itália, a Forward apresentou uma moto vermelha e preta e anunciou a agência de empregos italiana Idea Lavoro como patrocinadora principal.
MV Agusta F2 #77 (Foto: Forward)
“O sonho finalmente se torna realidade”, celebrou Giovanni Cuzari, diretor-executivo da Forward. “Com esta noite, nós damos início oficial a uma temporada onde seremos protagonistas ao longo da MV Agusta. Depois de anos de trabalho, estamos testemunhando esta noite a realização de um sonho, meu e de todos aqueles que acreditaram nisso desde o início”, seguiu.
 
“Este ano, nós teremos a oportunidade de trabalhar com a excelência italiana e com grandes profissionais”, frisou. “Estamos cientes da responsabilidade que nos aguarda, mas, ao mesmo tempo, orgulhosos e confiantes na temporada que está por vir. Obrigado a todos que fizeram isso possível”, completou.
 
Presidente da MV Agusta, Giovanni Castiglioni ressaltou que a marca volta ao Mundial graças ao empenho de um grupo de sonhadores e dos engenheiros da marca.
 
“Eu cresci nas corridas, participando nas numerosas vitórias das marcas do nosso grupo: desde as pista de motocross ao Paris Dakar, incluindo Superbike e as corridas das 500cc”, listou. “Mas o sonho de todos nós sempre foi voltar ao Mundial de Motovelocidade com a MV Agusta”, seguiu.
 
“Estou muito orgulhoso de tudo que alcançamos e de ver o nosso projeto da Moto2 reacender nossos sonhos, assim como as memórias de nossos apaixonados fãs. Tudo isso se tornou possível por meio do trabalho duro de um grupo de sonhadores loucos, incluindo os nossos engenheiros na MV e no CRC (Centro Ricerche Castiglione) e Giovanni, a quem eu gostaria de agradecer por seu amor pela nossa marca, assim como por seu desejo e perseverança em desenvolver esse projeto fantástico”, falou.
 
A caminho do segundo ano com a Forward na Moto2, Stefano Manzi celebrou o desafio de guiar a MV Agusta.
MV Agusta F2 #77 (Foto: Forward)
“A próxima temporada será minha segunda com este time. Vai ser um ano incrível, temos tudo para descobrir, vamos levar de volta para a pista depois de muitos anos a fábrica MV Agusta: teremos uma moto completamente nova, construída do zero, e isso me dá muito entusiasmo e energia”, declarou Manzi. “Nós já testamos a F2 na pista e ela respondeu bem desde o princípio. Estou confortável na moto e mal posso esperar para ir para a pista nos testes que faremos em alguns dias na Espanha”, comentou.
 
Novato no time, Dominique Aegerter se disse orgulhoso de integrar a MV Agusta Forward e falou em primeiras impressões “realmente positivas”.
 
“Estou muito feliz e orgulhoso por ser parte do projeto da MV Agusta Forward Racing Team: isso vai me permitir contribuir, também graças a minha habilidade, com o desenvolvimento da nova F2”, afirmou Aegerter. “Tudo será novo para mim, tanto a moto quanto o time, mas as primeiras impressões são realmente positivas: os rapazes são competentes e profissionais, tenho certeza de que vamos trabalhar bem ao longo do ano. Termos uma enorme responsabilidade e um nome glorioso para levar para a pista, mas, passo a passo, vamos encontrar o melhor caminho para esta empolgante aventura”, encerrou.