Oliveira detona tempo de Kent e lidera primeiro treino da Moto3 na nublada Phillip Island. Bastianini é 18º

Miguel Oliveira destruiu o tempo de Danny Kent nos instantes finais da primeira sessão de treinos livres e garantiu a liderança da sessão. Éfren Vázquez completa o top-3

A cobertura completa do GP da Austrália no GRANDE PRÊMIO

Miguel Oliveira foi o mais rápido na primeira sessão de treinos livres para o GP da Austrália de Moto3. O português da Red Bull KTM Ajo cravou sua melhor volta em 1min37s209 e não encontrou rivais na parte final da sessão.
 
Líder do campeonato, Danny Kent se revezou com Éfren Vázquez no topo da tabela em boa parte da sessão, mas viu Oliveira aparecer no fim para detonar sua marca por uma margem de 0s210 e abrir os trabalhos na ponta.
Miguel Oliveira foi o mais rápido nesta manhã na Austrália (Foto: Red Bull KTM Ajo)
Vázquez, por sua vez, não conseguiu reagir ao ritmo de Kent e Oliveira e acabou com o terceiro posto da tabela, 0s667 atrás do líder.
Já 0s882 mais lento que Oliveira, Brad Binder ficou com o quarto tempo da sessão, à frente de Romano Fenati e Isaac Viñales, que sofreu uma queda já na parte final do exercício. 
 
Jakub Kornfeil aparece na sequência, em sétimo, seguido por Karel Hanika e Francesco Bagnaia. Niccolò Antonelli também se acidentou, mas conseguiu garantir o décimo posto.
 
Ainda na briga pelo título da Moto3, Enea Bastianini teve uma atuação discreta nesta manhã na Austrália e ficou apenas em 18º. O italiano foi 1s891 mais lento que o piloto da Red Bull KTM Ajo.
#GALERIA(5478,111918)
Saiba como foi o primeiro treino da Moto3 em Phillip Island:
 
A semana em Phillip Island começou com sol, mas o tempo virou justo nesta sexta-feira (16). Quando os pilotos da Moto3 foram para a pista para o primeiro treino do fim de semana, os termômetros marcavam 18°C, com a pista chegando aos 20°C. A velocidade dos ventos estava em 8 km/h.
 
Com a ameaça de chuva pairando no ar, os pilotos não tardaram em partir para a pista tão logo o pit-lane foi aberto. Com 1min39s668, Miguel Oliveira abriu a sessão no topo da tabela, 0s409 à frente de Francesco Bagnaia. Jorge Navarro vinha na sequência, com Jorge Martín e Brad Binder completando o top-5.
 
 Danny Kent assumiu o comando pouco depois, mas logo teve sua marca superada por Isaac Viñales, que foi 0s461 mais rápido. Oliveira também melhorou e saltou para o segundo posto.
 
O líder do Mundial logo reagiu, mas Viñales conseguiu outra boa volta e se manteve no topo da tabela. 0s´275 mais lento que o piloto da RBA, Oliveira vinha em terceiro, à frente de Vázquez e Kornfeil.
 
Pouco depois, Oliveira cravou 1min37s970 e assumiu a ponta, abrindo 0s218 de margem para Viñales, que caiu para o segundo posto. Kent, então, pulou para segundo, mas caiu para terceiro na sequência, com Éfren Vázquez virando 0s094 mais rápido que Miguel. 
 
Com o primeiro terço do treino concluído, os pilotos foram aos boxes pela primeira vez na sessão. Vázquez tinha o topo da tabela, seguido por Oliveira, Kent, Viñales, Jakub Kornfeil, Niccolò Antonelli, Brad Binder, Romano Fenati, Alexis Masbou e Jorge Navarro.
 
Alguns minutos mais tarde, os pilotos voltaram para a pista e Kent logo tratou de melhorar seu tempo de volta. O britânico chegou a 1min37s962 e se manteve em terceiro. Pouco depois, o #52 saltou para o segundo posto, 0s042 atrás do companheiro de Kiefer.
 
O líder do Mundial seguiu em ritmo forte e assumiu o comando da sessão ao cravar 1min37s419, abrindo 0s457 de vantagem para Vázquez, que cedeu o vácuo para a boa marca do britânico.
 
Com cerca de 15 minutos para o fim da sessão, Antonelli perdeu a traseira na curva 1 de Phillip Island e caiu, danificando bastante a moto. Apesar de ter ficado alguns segundos ajoelhado na grama, Niccolò deixou a pista caminhando.
 
Na sequência, os pilotos voltaram aos boxes para a segunda parada da sessão. Kent tinha o topo da tabela, à frente de Vázquez, Oliveira, Viñales, Kornfeil, Antonelli, Fenati, Binder, Alexis Masbou e Karel Hanika. 
 
No retorno à pista, Oliveira anotou 1min37s574 e subiu para a segunda colocação, 0s155 atrás de Kent. Pouco depois, foi Romano Fenati que foi mais veloz e saltou para a quarta colocação. 
Miguel Oliveira liderou a abertura dos trabalhos do Mundial na Austrália (Foto: Red Bull)
O português da Red Bull KTM Ajo seguiu melhorando suas marcas e, com 1min37s452, baixou para 0s033 a margem de Kent. No giro seguinte, Miguel virou a ordem tabela, girando 0s210 mais rápido que Danny.
 
Ainda correndo atrás do título da Moto3, Enea Bastianini não vinha em uma grande sessão. Com menos de cinco minutos para o fim, o piloto da Gresini era apenas o 18º, 1s891 mais lento que o líder.
 
Em bom ritmo ao longo da sessão, Viñales sofreu uma queda na curva dois e encerrou o treino mais cedo. 
 
Com a bandeira quadriculada tremulando em Phillip Island, ninguém conseguiu bater a marca de Miguel, que ficou com a liderança da sessão.

Moto3, GP da Austrália, Phillip Island, primeiro treino livre:

 
1 44 MIGUEL OLIVEIRA POR RED BULL KTM AJO 1:37.209  
2 52 DANNY KENT ING KIEFER Honda 1:37.419 +0.210
3 7 ÉFREN VÁZQUEZ ESP KIEFER Honda 1:37.876 +0.667
4 41 BRAD BINDER RSA RED BULL KTM AJO 1:38.091 +0.882
5 5 ROMANO FENATI ITA VR46 KTM 1:38.149 +0.940
6 32 ISAAC VIÑALES ESP RBA KTM 1:38.188 +0.979
7 84 JAKUB KORNFEIL TCH SEPANG KTM 1:38.209 +1.000
8 98 KAREL HANIKA TCH RED BULL KTM AJO 1:38.383 +1.174
9 21 FRANCESCO BAGNAIA ITA ASPAR Mahindra 1:38.558 +1.349
10 23 NICCOLÒ ANTONELLI ITA ONGETTA Honda 1:38.608 +1.399
11 88 JORGE MARTÍN ESP ASPAR Mahindra 1:38.701 +1.492
12 10 ALEXIS MASBOU FRA RTG Honda 1:38.736 +1.527
13 9 JORGE NAVARRO ESP ESTRELLA GALICIA 0.0 Honda 1:38.885 +1.676
14 58 JUANFRAN GUEVARA ESP ASPAR Mahindra 1:38.960 +1.751
15 11 LIVIO LOI BEL RW Kalex KTM 1:38.986 +1.777
16 17 JOHN McPHEE ING RTG Honda 1:39.069 +1.860
17 2 REMY GARDNER AUS CIP Mahindra 1:39.076 +1.867
18 33 ENEA BASTIANINI ITA GRESINI Honda 1:39.100 +1.891
19 65 PHILIPP OETTL ALE SCHEDL GP KTM 1:39.183 +1.974
20 40 DARRYN BINDER RSA AMBROGIO Mahindra 1:39.244 +2.035
21 95 JULES DANILO FRA ONGETTA Honda 1:39.361 +2.152
22 55 ANDREA LOCATELLI ITA GRESINI Honda 1:39.378 +2.169
23 16 ANDREA MIGNO ITA VR46 KTM 1:39.397 +2.188
24 19 ALESSANDRO TONUCCI ITA AMBROGIO  Mahindra 1:39.490 +2.281
25 6 MARÍA HERRERA ESP HUSQVARNA LAGLISSE 1:39.658 +2.449
26 20 FABIO QUARTARARO FRA ESTRELLA GALICIA 0.0 Honda 1:39.783 +2.574
27 29 STEFANO MANZI ITA TEAM ITALIA Mahindra 1:39.796 +2.587
28 24 TATSUKI SUZUKI JAP CIP Mahindra 1:39.980 +2.771
29 48 LORENZO DALLA PORTA ITA HUSQVARNA LAGLISSE 1:40.120 +2.911
30 36 JOAN MIR ESP KIEFER Honda 1:40.151 +2.942
31 96 MANUEL PAGLIANI ITA TEAM ITALIA Mahindra 1:40.199 +2.990
32 91 GABRIEL RODRIGO ARG RBA KTM 1:40.774 +3.565
33 35 OLLY SIMPSON AUS OLLY SIMPSON RACING KTM 1:40.940 +3.731
34 22 ANA CARRASCO ESP RBA KTM 1:41.075 +3.866
35 14 MATT BARTON AUS SUUS Honda 1:47.534 +10.325
36 63 ZULFAHMI KHAIRUDDIN MAL SEPANG KTM    
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube