Pedrosa avalia temporada da MotoGP e defende: “Vencedor será quem cometer menos erros”

Daniel Pedrosa se mostrou animado com seu desempenho durante a temporada de 2012 da MotoGP. Espanhol afirmou que não venceu tanto quanto gostaria e defendeu que campeão será o piloto que cometer menos erros

Daniel Pedrosa pode até não ter uma temporada impecável, mas seus resultados consistentes o colocam na briga pelo título, 23 pontos atrás do líder Jorge Lorenzo. Apesar de ter conquistado uma única vitória no ano, no GP da Alemanha, o espanhol faz um balanço positivo desta primeira parte da temporada.

“Foi bem. Conseguimos bons resultados e tudo tem sido bem balanceado”, avaliou. “Nos faltaram mais algumas vitórias, então esperamos melhorar isso no restante da temporada”, reconheceu.
 

Pedrosa acredita que pequenos detalhes definirão vencedor de 2012 (Foto: Repsol)

Dani, no entanto, admitiu que é muito difícil evoluir por conta da grande competitividade. Na avaliação do piloto, são os pequenos detalhes que fazem a diferença.

“A verdade é que a melhora é muito difícil, porque a competitividade é muito alta e qualquer detalhe pode realmente fazer a diferença. Temos de explorar todas as possibilidades”, considerou.

Atual segundo colocado no Mundial, Pedrosa não prevê mudanças na dinâmica da MotoGP na segunda parte do campeonato. “Acho que no restante das corridas as coisas serão muito similares ao que vimos até agora”, opinou. “Cada corrida é decidida por detalhes, é importante estar no lugar mais alto do pódio que for possível e não cometer erros.”

“Este ano todos nós estamos indo muito bem em todos os circuitos – nos que gostamos e nos que não gostamos. Acho que isso vai continuar assim e não serão as pistas que farão diferença. Você não pode errar e o vencedor será quem cometer menos erros”, defendeu.

Questionado se a perfeição é necessária para vencer na MotoGP, Pedrosa concordou. “Sim, realmente é. Em algumas corridas você pode pensar que nós não estamos avançando e podemos dar mais, mas estamos no limite das nossas possibilidades e é muito difícil fazer uma diferença. Por isso nós estamos sempre correndo em fila, com poucas ultrapassagens, porque atingimos um nível onde você pode extrair muito pouco de você mesmo, da moto e do circuito”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube