Pedrosa domina Indy, vence pela segunda vez no ano e se aproxima de Lorenzo na luta pelo título

Daniel Pedrosa perdeu a ponta para Ben Spies na largada, mas logo conseguiu passar o piloto da Yamaha e abriu vantagem na ponta. Jorge Lorenzo ainda tentou buscar, mas não conseguiu e ficou com o segundo posto

Daniel Pedrosa dominou a etapa de Indianápolis da MotoGP neste domingo (19). Largando na ponta, o espanhol foi ultrapassado por Ben Spies ainda na primeira curva, mas pressionou o norte-americano e, uma vez na ponta, disparou na liderança impondo uma larga vantagem aos rivais.

Correndo em casa, Spies voltou a ter problemas e abandonou a prova após o motor da M1 estourar. Na segunda colocação, Jorge Lorenzo tentou alcançar Dani, mas com pneus médios na traseira, não teve ritmo para acompanhar o conterrâneo.
 

Pedrosa tirou cinco pontos da vantagem de Lorenzo na liderança do Mundial (Foto: MotoGP)


Mais atrás, Andrea Dovizioso travou um bom duelo com o lesionado Casey Stoner, mas o italiano levou a melhor e ficou em terceiro. A quinta colocação ficou com Álvaro Bautista, com Stefan Bradl em sexto e Valentino Rossi em sétimo. Karel Abraham foi o oitavo, com Yonny Hernández e Aleix Espargaró completando o top-10.

Com o resultado, Lorenzo chegou aos 225 pontos, contra os 207 de Pedrosa. A diferença entre os dois, que era de 23 pontos, caiu para 18. Stoner chegou aos 186 e está a 39 pontos do líder.

Saiba como foi a corrida deste domingo:

Pedrosa saiu bem e manteve a ponta, Spies veio da quarta colocação para assumir o segundo posto e logo tomou a frente da disputa. Lorenzo saiu mal e caiu para quarto, atrás de Dovizioso. Bradl vinha em quinto, seguido Bautista, Cal Crutchlow e Stoner.

Não demorou, Casey deixou Crutchlow para trás, colocando o britânico para brigar com Rossi. Mattia Pasini caiu nos metros iniciais e abandonou antes de completar a primeira volta.

Na ponta, Spies mantinha a frente, seguido por Pedrosa. Mais atrás, Dovizioso não conseguiu segurar Lorenzo, que assumiu o terceiro posto.

Na abertura do terceiro giro, Dani se valeu do motor Honda para passar Spies, que mergulhou por fora na curva 1 e recuperou a ponta. Mais atrás, Stoner passou Bautista e subiu para sexto.

De novo na força do motor Honda, Pedrosa assumiu a ponta na reta de Indy, não dando chances a Spies. Com ritmo mais forte, o espanhol começou a se afastar, enquanto Lorenzo se aproximava de Ben.

Também na reta, Stoner aproveitou para passar Bradl e assumir a quinta colocação. Com cinco voltas completadas, Michele Pirro recolheu com problemas mecânicos na moto.
 

Lorenzo arriscou ao optar por pneu médio na traseira da M1 (Foto: MotoGP)


No giro seguinte, Spies abandonou a prova após o motor da M1 estourar na reta de Indianápolis, motivando a sinalização de óleo na pista. Na mesma volta, Pedrosa anotou 1min39s142 e bateu o recorde da pista que tinha sido estabelecido por Stoner no ano anterior com a marca de 1min39s807.

Stoner teve um pequeno problema e perdeu a quarta posição para Bradl. Na frente, Lorenzo mostrava força e começava a diminuir a diferença de Pedrosa.

Na oitava volta, Stoner passou Bradl e recuperou a quarta colocação. Na passagem seguinte, Crutchlow perdeu a traseira da moto na saída da curva 3 e caiu, abandonando a disputa.

Mesmo com lesões no tornozelo direito, Stoner não aliviou, pressionando Dovizioso pelo terceiro lugar. Na reta, o australiano tomou a posição do piloto da Tech 3. No mesmo ponto, Bautista passou Bradl e assumiu o quinto lugar.

Na ponta, Pedrosa seguia firme na liderança, com Lorenzo não conseguindo manter o mesmo ritmo e voltando a se afastar do piloto da Honda. Após 16 voltas, Dani tinha 4s471 de vantagem para Jorge, que fez a opção por pneus médios na traseira, ao contrário do rival, que calçou a RC213V com a borracha dura.

Na sequência, a diferença caiu para 3s860 após um pequeno erro de Pedrosa. Ainda assim, o espanhol seguia firme rumo a sua segunda vitória na temporada.

Com sete voltas para o fim, Dovizioso conseguiu passar Stoner, assumindo a terceira colocação. O australiano tentou recuperar a posição na reta, mas não conseguiu. Ao fim da prova, Casey se dirigiu aos boxes visivelmente com dores, saindo da moto de muletas.
 

Destaque para atuação de Stoner que, mesmo com tornozelo fraturado, ficou em quarto (Foto: MotoGP)


MotoGP, GP de Indianápolis, Indianápolis, Final:
 

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube