Pedrosa fala em lutar até o fim e vê com cautela eventual ajuda de Stoner na reta final do campeonato

Dani Pedrosa reiterou que não desistiu da briga pelo título com Jorge Lorenzo, apesar da vantagem de 38 pontos do piloto da Yamaha no Mundial. O espanhol vê cada corrida como um decisão

Depois de ver a diferença para Jorge Lorenzo pular de 13 para 38 pontos após a etapa de Misano, Dani Pedrosa reiterou que não desistiu da briga pelo título com o compatriota e que vê cada corrida como uma decisão. 

No GP de San Marino, Pedrosa enfrentou problemas com a Honda no grid depois de ter cravado a pole e teve de largar do fundo do pelotão. Ainda na primeira volta, o espanhol se envolveu em um acidente com Hector Barberá e teve de abandonar a disputa. Lorenzo, por sua vez, não deu chances a ninguém e faturou a etapa italiana, ampliando a vantagem na liderança do campeonato.

Pedrosa é o segundo colocado do campeonato, mas está 38 pontos atrás de Jorge Lorenzo, o líder (Foto: Red Bull Content Pool/ Gold and Goose)

"Todas as corridas são importantes agora e vamos lutar até o fim. Aragón será outra prova importante e vamos tentar continuar a imprimir o mesmo ritmo forte de antes. A pista é muito agradável e espero ver muitos fãs nas arquibancadas para nos encorajar", disse o catalão, durante um evento em Aragón, nesta quarta-feira (26).

Pedrosa também falou sobre a expectativa do retorno do companheiro de equipe Casey Stoner, que se recupera em casa da fratura no tornozelo direito, adquirida em uma queda em Indianápolis, no mês passado. O espanhol, entretanto, afirmou que vê com cautela uma eventual ajuda do australiano na disputa do título na reta final da temporada.

"Nós temos de ver primeiro em que condições ele vai voltar. E que ritmo poderá ter nas corridas. Agora, é difícil saber se ele terá ou não condições de ajudar, mas certamente é um piloto forte e sempre candidato às vitórias", completou.

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube