Por luta "entre dois espanhóis", Pedrosa deseja decisão do título da MotoGP em Valência

Dani Pedrosa afirmou que nada mudou na disputa do título contra Jorge Lorenzo e que a estratégia continua a mesma, ou seja, tentar roubar pontos do compatriota e líder do campeonato

“Nada mudou. Não há diferença com relação às corridas anteriores”. A frase é de Dani Pedrosa. O espanhol da Honda reafirmou que vai continuar a perseguição ao rival Jorge Lorenzo na disputa do título e que a estratégia é a mesma: tentar roubar o máximo de pontos do adversário nas duas provas que restam no campeonato.

Sentado ao lado do compatriota na coletiva de imprensa desta quinta-feira (25) em Phillip Island, Pedrosa ressaltou que a ideia é também aproveitar a grande fase que vive no Mundial. O catalão vem de cinco vitórias nas últimas seis corridas da temporada. “Nós apenas temos de sair à pista, fazer alguns bons treinos, tentar aproveitar ao máximo tudo isso e nos manter focados em pilotar bem”, disse o piloto, que está 23 pontos atrás do líder Lorenzo, da Yamaha. 

Pedrosa deseja decisão do título em casa (Foto: Repsol)

“Correr aqui na Austrália é sempre especial. Há curvas em que você pode sair um pouquinho com muita potência. É maravilhoso pilotar com tanta potência, especialmente na última curva, entrando para a reta principal”, explicou Dani.

Voltando a falar do campeonato e sobre a decisão do título entre dois espanhóis, Pedrosa afirmou que será “ótimo” se a definição ficar para Valência. “Será ótimo ter uma batalha pelo título na última corrida, na Espanha, ainda mais entre dois espanhóis. Fazia muito tempo que não me encontrava em uma situação como essa, de brigar até o fim”, contou.

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube