Rabat passa por cirurgia bem sucedida em perna fraturada e permanece internado na Inglaterra

Tito Rabat passou por uma cirurgia ainda no sábado (25) para estabilizar as fraturas sofridas na perna direita em um acidente durante o quarto treino livre em Silverstone. Piloto da Avintia vai passar alguns dias no hospital em Coventry antes de poder retornar a Barcelona

Tito Rabat foi submetido a uma cirurgia ainda no sábado (25) para estabilizar as fraturas sofridas em um acidente na Stowe durante o quarto treino livre da MotoGP. O procedimento foi bem sucedido e o piloto da Avintia seguirá internado no Hospital Universitário de Coventry nos próximos dias. 
 
Já nos minutos finais do TL4, Álex Rins aquaplanou na sétima curva do circuito inglês e acabou se atirando da GSX-RR quando rodava a 160 km/h. O espanhol, então, passou a sinalizar para os demais pilotos que tinha um problema com a pista, enquanto a direção de prova acionou a bandeira vermelha.
Tito Rabat passou bem durante a noite e já tentou mover a perna fraturada (Foto: Avintia)
Rabat, porém, também foi ao chão e, alguns instantes mais tarde, acabou atingido pela Honda de Franco Morbidelli, que se acidentou no mesmo ponto. Tito recebeu atendimento médico ainda na área de escape da Stowe e foi levado consciente ao centro médico.
 
Depois do primeiro atendimento, Rabat foi transferido de helicóptero para o Hospital Universitário de Coventry, onde foi operado. O #53 sofreu fraturas no fêmur, na tíbia e na fíbula.
 
Durante o warm-up desta manhã, o ex-piloto Simon Crafar, que atua como repórter do serviço de streaming da MotoGP no pit-lane, conversou com José Maroto, assessor de imprensa da Avintia, que contou que Rabat passou bem na primeira noite no hospital.
 
“Na noite passada, antes de ir para cama, o pai dele me ligou e disse que ele já tinha acordado da cirurgia, que já estava brincando e que tinha tentado mover a perna. Então este é um bom sinal”, contou Maroto. “Esta manhã ele também estava de bom humor e tudo correu perfeitamente durante a noite. Tudo está correndo bem”, seguiu.
 
“Agora temos de esperar e ver. Ele vai ficar aqui por alguns dias aqui no hospital e aí vai para Barcelona para seguir o tratamento”, explicou.
 
Questionado sobre o tempo de recuperação, Maroto respondeu: “Nós ainda não sabemos, porque a fratura no fêmur dele foi bem ruim, pois tinham muitos pequenos fragmentos de osso, então tiveram de estabilizá-lo muito bem, mas o médico em Coventry fez um ótimo trabalho. Nós estamos otimistas, mas nunca se sabe. Se fosse só tíbia e fíbula, poderia ser mais rápido, mas com o fêmur talvez leve um pouco mais de tempo”, completou.

#GALERIA(9515)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube