Rabat supera Espargaró no fim e lidera primeiro treino da Moto2 no circuito de Motegi

Tito Rabat conseguiu superar o tempo de Pol Espargaró nos minutos finais do primeiro treino desta sexta-feira (12) e foi o mais rápido. Marc Márquez ficou com a terceira marca

Tito Rabat conseguiu superar seu companheiro de Pons e liderou o primeiro treino livre da Moto2 na manhã desta sexta-feira (12) no Japão. O espanhol cravou 1min52s169 em seu melhor giro e bateu Pol Espargaró por 0s054 de vantagem. Marc Márquez completa a lista dos três primeiros colocados. 

Takaaki começou a atividade na liderança, mas não foi páreo para os tradicionais ponteiros. Pol foi o primeiro a imprimir um ritmo forte, mas encontrou em Rabat o seu maior adversário.

 

Treino da Moto2 foi dominado por dupla da Pons (Foto: MotoGP)

O vice-líder do Mundial ainda tentou destronar o companheiro na parte final da sessão, mas não conseguiu melhorar sua marca e ficou em segundo, 0s062 à frente de Márquez.

Scott Redding ficou em quarto, seguido por Nakagami e Toni Elías, que volta à Moto2 pela Italtrans. Simone Corsi foi o sétimo mais rápido, com Johann Zarco em oitavo e Nico Terol em nono. Thomas Lüthi em décimo. 

Eric Granado ficou com a 28ª colocação. O brasileiro anotou 1min56s360 na melhor de suas 20 voltas pelo circuito de Motegi e ficou a 4s191 de Rabat.

Saiba como foi o primeiro treino da Moto2 em Motegi:

 
Márquez iniciou o treino na liderança ao anotar 1min54s681 em seu primeiro giro. Redding vinha em segundo, acompanhado por Nakagami e Rabat.
 
Logo foi a vez de Nakagami assumir a ponta, seguido por Corsi e Redding. Di Meglio vinha em quarto, à frente de Márquez, Terol e Rabat.
 
Depois de conseguir evitar uma queda na curva 7 de Motegi, Márquez foi para os boxes da Catalunya para trabalhar no acerto da Suter. 
 
Com pouco mais de 20 minutos para o fim da sessão, Espargaró subiu para a segunda colocação ao anotar 1min52s917, 0s195 mais lento que Nakagami. Companheiro de Pol na Pons, Rabat também melhorou o ritmo e subiu para o terceiro posto. 
 
Espargaró foi ainda mais rápido na sequência e passou a ditar o ritmo do exercício com a marca de 1min52s697, 0s025 mais rápido que Nakagami. O espanhol seguiu na pista, foi mais veloz e abriu 0s294 de vantagem para Takaaki. 
 
Rabat reagiu, baixou para 1min52s385 e assumiu a primeira posição, 0s043 à frente de Pol. Nakagami vinha em terceiro, seguido por Redding, Corsi, Márquez, Simon, Terol, Di Meglio e Elías. 
 
Não demorou nada, Espargaró reagiu, cravou 1min52s283 e recuperou a frente. Restando pouco mais de cinco para o fim da atividade, Márquez anotou 1min52s588 e passou a ocupar o terceiro posto, atrás de Espargaró e Rabat.
 
Tito baixou para 1min52s169 e assumiu a liderança. Espargaró tentou responder, mas não conseguiu e permaneceu no segundo lugar. Granado vinha em 28º, 4s191 atrás de Rabat.

Com o fim da sessão, ninguém conseguiu baixar a marca de Rabat, que ficou com o melhor tempo no primeiro exercício. 

Moto2, GP do Japão, Motegi, 2º Treino Livre:

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube