Fenati domina Silverstone e vence na Moto3 à frente de Antonelli. Acosta é 11º

Romano Fenati novamente não deu chances para a concorrência em Silverstone. Largou na pole, venceu com tranquilidade e completou o fim de semana perfeito no GP da Grã-Bretanha. Niccolò Antonelli e Dennis Foggia completaram o pódio

Fabio Quartararo caiu e saiu mancando após acidente no segundo treino livre (Vídeo: Reprodução/Fox Sports)

Romano Fenati conseguiu fechar o que parecia impossível em Silverstone: um GP da Grã-Bretanha perfeito. O italiano liderou todas as sessões de treinos, algumas com folga, fez a pole-position e venceu em Silverstone para manter a boa fase que o acompanha no campeonato nas últimas corridas.

Para vencer, Fenati precisou segurar os ataques de Niccolò Antonelli durante a prova. O compatriota, porém, perdeu o gás no fim da corrida e ficou mesmo com a segunda posição. Para completar a festa italiana, Dennis Foggia ficou em terceiro, fechando assim o pódio.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Romano Fenati venceu o GP da Grã-Bretanha com autoridade (Foto: Divulgação/MotoGP)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Izan Guevara bem que tentou ultrapassar Foggia nas voltas finais, mas ficou em quarto. Tatsuki Suzuki, Jaume Masià, Darryn Binder, Deniz Öncü, Ricardo Rossi e Carlos Tatay fecharam o top-10 em Silverstone.

Líder do campeonato, Pedro Acosta precisou fazer uma prova de recuperação para salvar alguns pontos e terminar em 11º. Sergio García, o vice-líder, ficou apenas em 16º.

A Moto3 volta a acelerar no próximo dia 12 de setembro, com o GP de Aragão, no MotorLand. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2021.

Saiba como foi o GP da Grã-Bretanha de Moto3:

O domingo em Silverstone começou com mais um dia de céu nublado e pista seca. Às vésperas da largada da Moto3, os termômetros mediam 16°C, com o asfalto chegando a 21°C. A umidade relativa do ar estava em 67%, com o vento soprando a 14 km/h.

Na hora da largada em Silverstone, Romano Fenati sustentou a liderança, resistindo a pressão de Riccardo Rossi nos primeiros metros. Niccolò Antonelli logo saltou para a segunda colocação, com Andrea Migno se instalando em terceiro.

A largada do GP da Grã-Bretanha da Moto3 (Vídeo: MotoGP)

Dono de um ritmo forte ao longo de todo o fim de semana, Fenati logo foi tentando abrir vantagem, mas Antonelli foi acompanhando para evitar a escapada do conterrâneo. Migno e Rossi seguiram no top-4, com Dennis Foggia e Darryn Binder vindo em sequência.

Protagonistas do campeonato, Pedro Acosta e Sergio Garcia largaram muito atrás e tinham muito terreno para recuperar. Na terceira das 17 voltas previstas em Silverstone, o líder da Moto3 vinha em 13º, com o rival já em 14º.

Se Fenati não conseguia escapar de Antonelli, o trio da ponta se afastou do restante do pelotão em Silverstone. Ainda no terceiro giro, Migno abriu mais de 1s1 de frente para Rossi, que liderava o segundo pelotão.

A briga pela quarta posição, aliás, vinha mais agitada, com Foggia, Binder e Rossi invertendo as posições. Jaume Masià ocupava a sétima colocação, seguido por Tatsuki Suzuki, Izán Guevara e Deniz Öncü.

Na quinta volta, Fenati abriu 0s278 de margem para Antonelli, que já tinha se afastado 0s400 de Migno. Ainda assim, não era uma diferença decisiva. Foggia, por outro lado, ia cada vez mais distante do grupo da ponta.

Com 12 voltas para o fim, porém, Andrea Migno teve problemas mecânicos e precisou abandonar a disputa em Silverstone. Assim, Antonelli ficou com 2s661 de vantagem em relação a Foggia e mais livre para focar no ataque a Fenati.

Andrea Migno abandonou a corrida com problemas mecânicos (Vídeo: MotoGP)

Romano, porém, conseguiu se afastar um pouco mais, abrindo 0s4 de margem para Antonelli, que rapidamente conseguiu cortar um pouco desta diferença.

Foggia seguia em terceiro, mas agora seguido por Izán Guevara, Darryn Binder, Masià, Suzuki, Öncü, Rossi, Acosta e Garcia.

Com nove voltas para o fim, Fenati conseguiu 0s5 de margem para Antonelli, que seguia empenhado em reduzir a vantagem do rival da equipe de Max Biaggi. Fechando a trinca italiana, Foggia já tinha mais de 3s6 de atraso para Niccolò.

Ao mesmo tempo em que Antonelli voltava a se aproximar de Fenati, Foggia ia defendendo a terceira posição em Silverstone, agora de Guevara, que tinha passado Binder para ocupar a quarta colocação.

Mais atrás, a briga pela 11ª posição também era interessante, com Carlos Tatay levando a melhor em cima de Sergio Garcia. Filip Salac se defendia de Acosta para manter o 13º posto.

Acosta, aliás, atacou e assumiu o décimo posto, mas logo foi superado por John McPhee, Salac e Garcia. Pedro respondeu rápido, ao menos para retomar a posição que estava com Sergio.

Foggia e Guevara travaram bom duelo pelo último lugar no pódio (Vídeo: MotoGP)

Com cinco voltas para o fim, a diferença entre Fenati e Antonelli era de 0s228. O confronto entre dois dos mais experientes pilotos do grid prometia durar até a bandeirada.

Mais atrás, Guevara chegou a tomar a terceira colocação de Foggia, mas o piloto da Leopard respondeu quase que de imediato para manter a posição. Masià vinha em quinto depois de passar Binder.

Um pouco mais para baixo na tabela, Garcia tinha subido para a décima colocação, com Salac se colocando entre ele e Acosta. O piloto da Red Bull KTM Ajo, porém, passou o rival da Prüstel rapidamente para voltar a colar no principal rival na briga pelo título.

Com três voltas para o fim, a diferença entre Fenati e Antonelli voltou a passar de 0s5 e, desta vez, foi decisivo. Romano se afastou mais e mais e abriu a volta derradeira com 1s274.

Com o equipamento já desgastado, Antonelli foi sentindo a aproximação de Foggia e Guevara. Izán, aliás, atacou Dennis para tomar o terceiro posto e liderar a caçada ao piloto da Avintia.

A briga entre Foggia e Guevara seguiu, permitindo que Antonelli sustentasse um respiro de 0s8. A diferença caiu muito até a bandeirada, mas Niccolò conseguiu manter a segunda posição, à frente de Dennis.

VEJA TAMBÉM
# O calendário da temporada 2021 da MotoGP

Moto3 2021, GP da Grã-Bretanha, Silverstone, Corrida:

1R FENATIMAX Husqvarna37:26.974
2N ANTONELLIAvintia KTM+1.679
3D FOGGIALeopard Honda+2.107
4I GUEVARAAspar KTM+2.154
5T SUZUKISIC58 Honda+7.475
6J MASIÀRed Bull KTM Ajo+7.541
7D BINDERSIC HONDA+7.559
8D ÖNCÜTech3 KTM+14.523
9R ROSSIBOE KTM+14.541
10C TATAYAvintia KTM+20.503
11P ACOSTARed Bull KTM Ajo+21.898
12J MCPHEESIC HONDA+21.859
13A SASAKITech3 KTM+22.028
14F SALACPrüstel KTM+22.107
15G RODRIGOGresini Honda+22.157
16S GARCIAAspar KTM+22.444
17S NEPABOE KTM+22.331
18X ARTIGASLeopard Honda+22.580
19A FERNÁNDEZMAX Husqvarna+25.215
20A SURRASnipers Honda+27.518
21J ALCOBAGresini Honda+32.821
22L FELLONSIC58 Honda+33.015
23R YAMANAKAPrüstel KTM+33.310
24Y KUNIIAsia Honda+52.820
25M KOFLERCIP KTM+52.858
26A MIGNOSnipers HondaAbandonou
28K TOBACIP KTMAbandonou

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar