MotoGP

Rossi completa 2 anos sem vitórias e cutuca Yamaha: “A seca não é só minha”

Há dois anos sem vencer, Valentino Rossi compartilhou seu jejum com a Yamaha, já que considera que o time também não vive lá uma boa fase. O #46, no entanto, considerou que teve algumas chances de aplacar a seca

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Valentino Rossi dividiu com a Yamaha sua seca na MotoGP. O #46 subiu no topo do pódio da classe rainha do Mundial de Motovelocidade pela última vez em 25 de junho de 2017, justamente do GP da Holanda.
 
Às vésperas da corrida em Assen, Rossi foi ‘solidário’ e dividiu a seca com a Yamaha, já que considera que seus resultados são reflexo também do momento vivido pelo time. Em dois anos, a YZR-M1 venceu uma corrida, com Maverick Viñales na Austrália no ano passado.
Valentino Rossi dividiu com a Yamaha o jejum na MotoGP (Foto: DIvulgação/MotoGP)
Ainda assim, Valentino destacou que fez boas corridas ao longo deste tempo, embora sem conseguir o resultado desejado. Nestes dois anos, o piloto de Tavullia conseguiu nove pódios ― foi quatro vezes segundo colocado e cinco vezes terceiro.
 
“Digamos que a seca não é só minha, porque, de todos os modos, não é que nós tenhamos vencido muito, no geral”, disse Rossi. “Nestes dois anos, fiz boas corridas e tive opções de vencer. Não saiu bem”, seguiu.
 
“Algumas vezes, me venceram, como em Austin. Em outras, eu falhei, como na Malásia”, lembrou. “Mas foram, contando, quatro ou cinco ocasiões”, frisou.
 
“Precisamos somente trabalhar, estar concentrados e fazer com que surjam outras”, concluiu.

O GP da Holanda de MotoGP está marcado para o domingo, às 9h (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO.
 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.