Rossi fala em olhar para frente, mas mantém críticas a Márquez. Conversa cara a cara? “Talvez no futuro”

Valentino Rossi evitou fazer críticas a Marc Márquez, mas afirmou que mantém a mesma opinião expressada na Argentina. Italiano falou em focar na corrida e avaliou que ainda não é hora de ter uma conversa cara a cara com o rival

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Valentino Rossi apareceu menos irritado diante da imprensa nesta quinta-feira (19). Depois das duras criticas que fez a Marc Márquez ainda na Argentina, o #46 falou em focar na corrida de Austin, mesmo que tenha dito que segue pensando da mesma forma.
 
Em Termas de Río Hondo, Márquez derrubou Rossi já na parte final da disputa e, mesmo punido, não escapou da fúria do piloto da Yamaha, que o acusou de mirar os rivais.
 
Falando a imprensa no motorhome da Yamaha em Austin, Rossi foi questionado sobre quanto tempo essa rivalidade ainda vai existir e respondeu: “Sinceramente, eu não sei”.
Valentino Rossi descartou conversar cara a cara com Marc Márquez (Foto: Michelin)

“A única coisa é olhar para o futuro e pensar neste fim de semana”, afirmou. “Acho que é muito importante voltar para a pista e pilotar a moto, tentar fazer o máximo com o time, então estou muito feliz por estar aqui, também porque esta pista é muito difícil, então você tem de trabalhar muito, pois ela é muito longa, tem muitas curvas. Nós temos de pensar nisso. Fazer o nosso trabalho e tentar o máximo”, seguiu.

 
O multicampeão, porém, admitiu que mantém suas críticas depois de ter assistido ao vídeo da corrida, mas evitou se aprofundar no tema.
 
“Sinceramente, eu assisti a corrida e eu penso exatamente o que eu disse depois da corrida na Argentina, então eu confirmo todas as minhas palavras, mas é melhor olhar para a frente”, comentou.
 
Lembrado de um momento em que Alain Prost e Ayrton Senna tentaram resolver suas diferenças em um encontro cara a cara na Hungria, Valentino disse: “Eu não sei, talvez ainda não seja a hora. Talvez no futuro”.
 
Ainda, o #46 comentou sobre o incidente entre Dani Pedrosa e Johann Zarco e avaliou que o francês não deveria ter escapado ileso do incidente que resultou em uma fratura no punho do #26.
 
“Eu acho que o incidente entre eu e Márquez é pior, mas também acho que o que Zarco fez com Pedrosa não é justo. Mas é assim”, comentou.
 
Questionado sobre a veracidade dos rumores de que a Yamaha teria advertido Alessio Salucci por ter barrado a entrada de Márquez nos boxes do time, Rossi respondeu: “Não é absolutamente verdade. É tudo inventado por um jornalista que baseou toda sua carreira em dizer mentiras sobre mim, sobre a minha família, sobre a academia, sobre a VR46, porque teve qualquer problema com o meu pai quando eram jovens. Ele inventa tudo, como neste caso, que é uma notícia 100% falsa”.

#GALERIA(8358)
 
SURPRESA AGRADÁVEL APESAR DOS PORQUÊS

TEMPORADA 2018 COMEÇA COM F1 DEPENDENTE DO IMPONDERADO

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube