MotoGP

Suzuki deixa Migno para trás e dita ritmo no terceiro treino da Moto3 em Le Mans. Canet cai e é sétimo

Tatsuki Suzuki voltou a exibir sua boa fase na Moto3 e bateu Andrea Migno por 0s125 na reta final do TL3 para assegurar a liderança na França. 0s248 mais lento que o líder, Jaume Masià ficou com o terceiro posto. Líder do Mundial, Arón Canet sofreu a segunda queda do fim de semana e ficou com o sétimo tempo

Grande Prêmio / JULIANA TESSER, de São Paulo

Tatsuki Suzuki segue em grande fase na temporada 2019 da Moto3. Na manhã deste sábado (18), o #24 superou Andrea Migno para colocar a SIC58 no topo da tabela de tempos em Le Mans.
 
Já nos instantes finais desta atividade matutina, Suzuki aproveitou a penúltima de suas 16 para cravar 1min53s429 no frio do circuito Bugatti e superar Migno por 0s125. Sem muito mais tempo no cronômetro, ninguém conseguiu superar o nipônico.
 
Mais 0s123 atrás, Jaume Masià ficou com o terceiro posto, à frente de Gabriel Rodrigo. Ai Ogura, que segue com a melhor marca do fim de semana, caiu durante a sessão, mas ficou com o quinto tempo.
Tatsuki Suzuki (Foto: SIC58)
Com 1min53s729, Makar Yurchenko fez o sexto melhor registro, à frente de Arón Canet. O líder do Mundial sofreu uma queda na sessão, mas escapou de lesões.
 
0s404 atrás do ponteiro, Dennis Foggia ficou com o oitavo tempo, seguido por Raúl Fernández. Darryn Binder completa um top-10 separado por 0s599.
 
O Painel de Comissários anunciou durante esta manhã que Darryn Binder, Sergio Garcia e Raúl Fernández foram punidos por direção irresponsável durante o TL2 e, assim, perdem 12 posições no grid de largada de Le Mans neste fim de semana.
 
O GP da França de Moto3 está marcado para o domingo, às 6h (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO.

Resultado de imagem para emoji microfonePaddockast #18: Fake News! As mentirinhas nada inocentes do esporte a motor



  Ouça no Spotify
  Ouça no iTunes
  Ouça no Android
  Ouça no playerFM

Saiba como foi o treino livre 3 do GP da França de Moto3:
 
Ao contrário do que aconteceu na sexta-feira, o sábado amanheceu nublado e com temperaturas baixas. Quando a Moto3 iniciou o TL3, os termômetros marcavam 12°C, com o asfalto chegando a 14°C.
 
Jaume Masià assumiu o comando da sessão logo no início, à frente de Andrea Migno, Tatsuki Suzuki e Tony Arbolino.
 
Já nos primeiros minutos, Alonso López sofreu uma queda na curva 14, a última de Le Mans. Apesar do susto, o piloto da Estrella Galicia 0,0 não se feriu.
 
Masià logo baixou sua marca para 1min54s346 e abriu 0s631 de vantagem para Darryn Binder na liderança. Na passagem seguinte, o sul-africano virou o jogo, com Jaume apenas conseguindo reduzir a diferença para 0s080.
 
O #5, então, lançou mão de outra volta rápida e repassou o piloto da CIP, abrindo 0s351 de margem. Makar Yurchenko avançou para o terceiro posto, à frente de Andrea Migno e Tony Arbolino. 

Migno apareceu na sequência com um giro em 1min53s554 e assumiu a liderança da atividade, 0s123 melhor que Masià. Arón Canet também apertou o passo e saltou para a terceira colocação, à frente de Yurchenko, Binder e Dennis Foggia.
 
O espanhol do time e Max Biaggi subiu para o terceiro posto em seguida, mas levou o troco de Yurchenko, que foi 0s088 mais rápido. Mas isso não foi o pior. Pouco depois, Canet sofreu uma queda, mas escapou de maiores consequências.

Ainda dono da melhor marca do fim de semana, Ai Ogura também avançou e se instalou na quarta colocação, 0s165 mais lento que o líder da sessão. Yurchenko caiu para quinto, à frente de Canet, Foggia e Raúl Fernández.

Já no quarto final da sessão, Ayumu Sasaki sofreu uma queda na curva 4, mas escapou ileso do acidente. Pouco depois, Ogura foi ao chão no mesmo ponto, mas também nada sofreu.

Faltando menos de três minutos para o fim, Suzuki saltou para o sexto posto e, na sequência, melhorou mais para ocupar a ponta, 0s125 melhor que Migno, que caiu para segundo. 
 
Já com a bandeira quadriculada tremulando em Le Mans, ninguém conseguiu bater a marca de Suzuki, que ficou com a ponta.
Moto3 2019, GP da França, Le Mans, treino livre 3:

1 T SUZUKI SIC58 Honda 1:53.429  
2 A MIGNO Worldwide KTM 1:53.554 +0.125
3 J MASIÀ Worldwide KTM 1:53.677 +0.248
4 G RODRIGO Gresini KTM 1:53.704 +0.275
5 A OGURA Asia Honda 1:53.719 +0.290
6 M YURCHENKO RBA KTM 1:53.729 +0.300
7 A CANET MAX KTM 1:53.817 +0.388
8 D FOGGIA VR46 KTM 1:53.833 +0.404
9 R FERNANDEZ Ángel Nieto KTM 1:54.005 +0.576
10 D BINDER CIP KTM 1:54.028 +0.599
11 T ARBOLINO Snipers Honda 1:54.057 +0.628
12 J MCPHEE SIC HONDA 1:54.152 +0.723
13 N ANTONELLI SIC58 Honda 1:54.270 +0.841
14 V PEREZ Avintia KTM 1:54.303 +0.874
15 C ÖNCÜ Red Bull KTM Ajo 1:54.318 +0.889
16 T BOOTH-AMOS CIP KTM 1:54.533 +1.104
17 F SALAC Prüstel KTM 1:54.541 +1.112
18 A SASAKI SIC HONDA 1:54.592 +1.163
19 L DALLA PORTA Leopard Honda 1:54.681 +1.252
20 R ROSSI Gresini Honda 1:54.966 +1.537
21 J KORNFEIL Prüstel KTM 1:54.991 +1.562
22 R FENATI Snipers Honda 1:55.113 +1.684
23 M RAMÍREZ Leopard Honda 1:55.144 +1.715
24 A ARENAS Ángel Nieto KTM 1:55.235 +1.806
25 K TOBA Asia Honda 1:55.530 +2.101
26 A LÓPEZ Estrella Galicia 0,0 Honda 1:55.533 +2.104
27 S GARCIA Estrella Galicia 0,0 Honda 1:55.738 +2.309
28 K MASAKI RBA KTM 1:56.221 +2.792
29 C VIETTI VR46 KTM 1:56.696 +3.267
         
REC J MARTÍN Gresini Honda 1:41.754 148.0 km/h
MV J MARTÍN Gresini Honda 1:41.754 148.0 km/h
         
  Condições do tempo PISTA MOLHADA   ar: 12ºC | pista: 14ºC




Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.