Viñales cita responsabilidade de Aleix Espargaró na evolução da GSX-RR e vê erro da Suzuki em dispensa

Maverick Viñales avaliou que a Suzuki errou ao dispensar Aleix Espargaró. Espanhol colocou o agora ex-companheiro de equipe como um dos grandes responsáveis pela evolução da GSX-RR

 

Responsável por encerrar um longo jejum de vitórias da Suzuki na MotoGP, Maverick Viñales acredita que a marca japonesa cometeu um erro ao não renovar o contrato de Aleix Espargaró para 2017. No próximo ano, a equipe chefiada por Davide Brivio será defendida por Andrea Iannone e Álex Rins.

 
Depois de dois anos com a fábrica japonesa, Maverick aceitou a proposta da Yamaha para substituir Jorge Lorenzo como companheiro de Valentino Rossi. Já em sua estreia a bordo da YZR-M1, o #25 ditou o ritmo nos testes coletivos de Valência.
 
Companheiro de equipe de Aleix nos dois anos em que defendeu a Suzuki, Viñales acredita que a fábrica nipônica errou ao desperdiçar um piloto tão experiente.
Maverick Viñales acha que Suzuki errou ao perder Aleix Espargaró (Foto: Suzuki)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

O mais velho dos irmãos Espargaró nunca escondeu sua decepção com a Suzuki e chegou a revelar que foi pego de surpresa com a contratação de Iannone, que foi anunciado pelo time pouco após a confirmação da saída de Viñales. Em 2017, Aleix vai defender a Aprilia ao lado do estreante Sam Lowes.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

“Eu realmente não esperava que eles trocassem Aleix. Ele fez um ótimo trabalho no ano passado”, elogiou Maverick em entrevista à publicação alemã ‘Speedweek’. “Ele é uma razão importante para a moto ser tão boa agora. Na minha opinião, é um erro que eles tenham trocado Aleix, mas, claro, a Suzuki quer vencer, todos querem isso. Eles esperam conseguir isso com a combinação de Iannone e Rins”, continuou. 
 
O piloto espanhol também afirmou que não sabe como a GSX-RR vai se adaptar ao estilo de pilotagem de Iannone e Rins.
 
“Não sei como a Suzuki vai ser no próximo ano. Não vai ser fácil, porque Iannone tem um estilo de pilotagem diferente do meu”, apontou. “Nós desenvolvemos uma moto nos últimos dois anos que é ajustada ao meu estilo de pilotagem. Isso não vai ser fácil para ele”, apontou.
 
“Talvez fosse por conta da Ducati, mas ele freia muito forte nas curvas, onde a Suzuki precisa carregar mais velocidade. Mas, de novo, talvez fossem as qualidades da Ducati que o forçassem a desenvolver esse estilo”, ponderou.
 
Para Rins, entretanto, Maverick prevê uma adaptação um pouco mais fácil do que aquele que ele próprio teve, já que a moto é melhor do que aquela que encontrou em deu debute na classe rainha.
 
“Rins é realmente rápido, mas ele vai precisar de muito tempo para entender a moto”, frisou. “Quando eu entrei na MotoGP, a moto não estava no mesmo nível de agora. Era, certamente, 1s mais lenta. Isso vai ser uma vantagem para ele, mas ele ainda tem de aprender a lidar com a potência extra de uma moto de MotoGP”, completou.
 
Nos testes de Valência, Iannone não mostrou dificuldades para se adaptar ao protótipo japonês. Rins, por outro lado, sofreu um forte acidente e acabou com vértebras fraturadas.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube