Zarco dá troco em Lowes e fecha bateria de testes coletivos da Moto2 em Jerez na ponta. Rabat é terceiro

Depois de liderar o primeiro treino da pré-temporada 2015, Johann Zarco voltou a mostrar um bom ritmo e ditou o ritmo no último dia da bateria de testes coletivos realizada em Jerez de la Frontera. Sam Lowes ficou em segundo, com Tito Rabat completando a lista dos três primeiros

A cobertura completa da pré-temporada 2015 da MotoGP no GRANDE PRÊMIO

Johann Zarco foi o mais rápido no último dia da segunda bateria de testes da pré-temporada 2015 do Mundial de Moto2. Nesta quinta-feira (19), o piloto da Ajo registrou sua melhor volta em 1min42s121 e deu o troco em Sam Lowes, que garantiu o topo da tabela no dia anterior.
 
Depois de um primeiro dia marcado pelo frio, os pilotos da Moto2 desfrutaram de dois dias mais quentes na pista andaluz, especialmente nesta quinta, quando a temperatura atingiu seu ponto mais alto.
Johann Zarco foi o mais rápido no teste da Moto2 em Jerez (Foto: Ajo)
Aproveitando as boas condições de pista, Zarco cravou sua melhor marca na segunda das três sessões do dia, rodando 0s755 mais rápido que a melhor volta registrada em Jerez de la Frontera no ano passado.
 
Também mostrando um bom ritmo nesta pré-temporada, Lowes foi 0s044 mais lento que o rival da Ajo e ficou com o segundo posto. O britânico aproveitou o dia para comparar diferentes componentes do chassi.
 
Campeão vigente da Moto2, Tito Rabat fez sua melhor volta em 1min42s392 e ficou em terceiro. O piloto da Marc VDS trabalhou em uma simulação de corrida nesta quinta.
 
Axel Pons voltou a rodar rápido e ficou com a quarta marca, 0s289 atrás do líder da sessão. Sandro Cortese aparece na sequência, à frente de Jonas Folger.
 
Indo para seu segundo ano na divisão intermediária do Mundial de Motovelocidade, Luis Salom anotou 1min42s652 e ficou com o sétimo tempo, 0s531 atrás de Zarco.
 
Lorenzo Baldassarri aparece para cravar o oitavo tempo, à frente de Álex Rins. O piloto da Pons, que faz sua primeira temporada na divisão intermediária, segue se adaptando ao novo equipamento e foi 0s806 mais lento que o ponteiro. Tom Lüthi completa o top-10.
 
Também debutando na Moto2, Álex Márquez registrou sua melhor volta em 1min43s254 e ficou com a 16ª colocação, 1s133 atrás do líder da sessão. 
 
Os integrantes da Moto2 voltam a se encontrar em Jerez de la Frontera no próximo dia 17 de março, para os últimos três dias da derradeira bateria de testes da pré-temporada.
 
Moto2, Teste coletivo, Jerez de la Frontera, Dia 3:
 
1
5
JOHANN ZARCO
FRA
AJO Kalex
1:42.121
 
2
22
SAM LOWES
ING
SPEED UP
1:42.165
+0.044
3
1
ESTEVE RABAT
ESP
MARC VDS Kalex
1:42.392
+0.271
4
49
AXEL PONS
ESP
ARGIÑANO & GINÉS Kalex
1:42.410
+0.289
5
11
SANDRO CORTESE
ALE
INTACT Kalex
1:42.566
+0.445
6
94
JONAS FOLGER
ALE
ARGIÑANO & GINÉS Kalex
1:42.625
+0.504
7
39
LUIS SALOM
ESP
PONS Kalex
1:42.652
+0.531
8
7
LORENZO BALDASSARRI
ITA
FORWARD Kalex
1:42.880
+0.759
9
40
ÁLEX RINS
ESP
PONS Kalex
1:42.927
+0.806
10
12
THOMAS LÜTHI
SUI
INTERWETTEN Kalex
1:42.980
+0.859
11
19
XAVIER SIMÉON
BEL
GRESINI Kalex
1:43.043
+0.922
12
30
TAKAAKI NAKAGAMI
JAP
TEAM TADY Kalex
1:43.172
+1.051
13
23
MARCEL SCHROTTER
ALE
TECH3 Mistral 610
1:43.176
+1.055
14
36
MIKA KALLIO
FIN
ITALTRANS Kalex
1:43.222
+1.101
15
21
FRANCO MORBIDELLI
ITA
ITALTRANS Kalex
1:43.251
+1.130
16
73
ÁLEX MÁRQUEZ
ESP
MARC VDS Kalex
1:43.254
+1.133
17
3
SIMONE CORSI
ITA
FORWARD Kalex
1:43.287
+1.166
18
77
DOMINIQUE AEGERTER
SUI
INTERWETTEN Kalex
1:43.349
+1.228
19
55
HAFIZH SYAHRIN
MAS
RACELINE Kalex
1:43.358
+1.237
20
96
LOUIS ROSSI
FRA
TASCA Tech3
1:43.738
+1.617
21
95
ANTHONY WEST
AUS
QMMF Speed Up
1:43.863
+1.742
22
88
RICKY CARDÚS
ESP
TECH3 Mistral 610
1:43.979
+1.858
23
60
JULIÁN SIMÓN
ESP
QMMF Speed Up
1:44.257
+2.136
24
70
ROBIN MULHAUSER
SUI
INTERWETTEN Kalex
1:44.551
+2.430
25
10
THITIPONG WAROKORN
TAI
SAG Kalex
1:44.646
+2.525
26
66
FLORIAN ALT
ALE
IODA Suter
1:44.692
+2.571
27
4
RANDY KRUMMENACHER
SUI
JIR KALEX
1:44.888
+2.767
28
25
AZLAN SHAH
MAS
TEAM TADY Kalex
1:44.949
+2.828
29
2
JESKO RAFFIN
SUI
SAG Kalex
1:46.209
+4.088
 

#GALERIA(5219)

O ÚLTIMO RESPIRO

A derrota para Lewis Hamilton no campeonato de 2014 fez Nico Rosberg se mexer para encontrar formas de voltar mais forte em 2015 para conquistar o tão sonhado título da F1. E a preparação vai além de aspectos técnicos da pilotagem e dos carros: até a respiração foi alvo de treinamento por parte do alemão durante o inverno europeu. “Eu tentei melhorar já ao final do GP de Abu Dhabi, que foi porque eu realmente quis participar dos testes depois daquela corrida”, diz Nico ao ser perguntado pelo GRANDE PRÊMIO.

SÓ FALTA ANDAR

Com a nova filosofia do carro de F1 ‘size-zero’ e procurando uma forma de alcançar a Mercedes em busca de vitórias, a McLaren optou por arriscar no projeto do MP4-30. Até aqui, vem garantindo que está tudo bem. Mas falta andar pra valer, e é preciso mostrar evolução nos testes em Barcelona.

Leia a análise completa no GRANDE PRÊMIO.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube