Zarco diz que vai usar Yamaha de 2017, mas mostra tranquilidade: “Se você tiver inteligência, não estará tão longe do top-3”

Em entrevista ao jornal francês ‘L’Équipe’, Johann Zarco confirmou que vai usar nesta temporada a moto que foi de Valentino Rossi e Maverick Viñales em 2017. Francês mostrou tranquilidade e colocou top-3 no campeonato como objetivo

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Johann Zarco já sabe qual equipamento terá na temporada 2018 da MotoGP. Embora Yamaha e Tech3 ainda não tenham feito uma confirmação oficial, o #5 afirmou que seguirá a tendência dos últimos anos e utilizará o protótipo que pertenceu ao time oficial no ano anterior.
 
Com Maverick Viñales e Valentino Rossi, a Yamaha teve uma temporada bastante difícil em 2017, com os pilotos, especialmente o italiano, criticando a evolução da YZR-M1.
Johann Zarco confirmou que terá moto de 2017 neste ano (Foto: Michelin)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

A performance ruim do time oficial levantou uma série de questionamentos em relação ao tipo de equipamento que seria oferecido à escuderia de Hervé Poncharal, mas a Yamaha sempre se mostrou inclinada a manter a política dos último anos. O chefe da esquadra de Bormes Les Mimosas até tentou pressionar por uma mudança, mas Johann confirmou que terá o protótipo de 2017 neste ano.
 
O #5, porém, não parece preocupado por contar com a polêmica moto, uma vez que se deu bem com a M1 no teste coletivo realizado em Valência no fim do ano.
 
“A Tech3 é uma equipe satélite da Yamaha que sempre corre com a moto do ano passado. Portanto, vou correr com a M1 de 2017”, disse Zarco e entrevista ao jornal francês ‘L’Équipe’. “No entanto, se você tiver inteligência e capacidade para aproveitar ao máximo, você não estará tão longe do top-3 do campeonato. Este é o meu objetivo”, anunciou.
 
Um dos destaques de 2017, Johann falou em retomar do ponto de onde parou, brigando por pódios e até vitórias.
 
“Eu quero retomar em 2018 de onde parei em 2017, ou seja, brigando pela vitória a cada corrida”, declarou. “Concluir bem o próximo campeonato será indispensável para conquistar uma moto oficial para 2019”, frisou.
 
EM BUSCA DO SONHO DA F1

PIETRO FITTIPALDI REVELA QUE NEGOCIOU COM A SAUBER PARA 2018

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube