Zarco domina classificação e crava quarta pole da temporada 2016 da Moto2 em Misano. Rins sai em oitavo

A pole-position para o GP de San Marino da Moto2 é de Johann Zarco. O líder do campeonato comandou a sessão classificatória e vai dividir a primeira fila do grid com Takaaki Nakagami e Lorenzo Baldassarri. Vice-líder, Álex Rins larga em oitavo

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Johann Zarco deu mais uma demonstração de força na Moto2 neste sábado (10). Soberano durante toda a sessão classificatória para o GP de San Marino, o atual campeão da classe intermediária do Mundial não deu chances e cravou a quarta pole-position da temporada 2016, com o tempo de 1min37s436. E o adversário mais próximo foi Takaaki Nakagami, que levou quase todo o treino para se aproximar da marca do gaulês.

 
A verdade é que o japonês, que dominou todos os treinos livres, ficou a apenas 0s073 do pole. E vai dividir com ele a fila de honra do grid. Quem completa os três mais rápidos é Lorenzo Baldassarri. Vice-líder do campeonato, Álex Rins vai sair apenas de oitavo na pista italiana de Misano.
 
Confira como foi a classificação da Moto2 em Misano
 
A definição do grid da classe intermediária do Mundial de Motovelocidade teve início já com o atual campeão e líder do campeonato, Johann Zarco, na ponta da tabela, quando os tempos realmente começaram a ficar mais próximos da realidade. Assim sendo, o francês abriu os trabalhos andando na marca de 1min38s131. É bem verdade que foi superado momentaneamente por Lorenzo Baldassarri e Jonas Folger nos primeiros minutos, mas logo retomou o comandou das ações ao virar 1min37s436 ainda em seu primeiro stint pela pista italiana. 
 
O italiano da Forward também começou a imprimir um ritmo muito forte na perseguição a Zarco e rapidamente se colocou em segundo na tabela, com 0s187 de desvantagem para o líder. Aí entre algumas quedas de rivais e reveses – como de Takaaki Nakagami, que dominou os treinos livres, mas acabou perdendo seu melhor giro por uma punição por exceder os limites do traçado -, Sam Lowes apareceu em terceiro, mas virando longe do gaulês da Ajo. O inglês vinha com quase quatro décimos de atraso para o ponteiro. Tom Lüthi e Mattia Pasini completavam o top-5.
 
Depois de ver sua melhor volta ser excluída, Nakagami voltou à pista na fase intermediária da sessão, trazendo consigo líder do treino. Enquanto o francês não conseguia baixar suas marcas, o japonês saltou para terceiro, em um ritmo de três décimos mais lento que Zarco. Quase ao mesmo tempo, Alex Rins – vice-líder do Mundial – escapava da pista. O espanhol era apenas o 16º.
Johann Zarco é o pole da Moto2 em Misano (Foto: Ajo)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Enquanto o líder do campeonato seguia soberano na ponta, Franco Morbidelli escalava o pelotão e já surgia em sexto, mas distante do desempenho do francês. Morbidelli vinha mais de meio segundo atrás, seguido por Pasini, que caiu na tabela, com o crescimento de Lowes, Lüthi, Nakagami e Franco.

Sandro Cortese se mantinha ainda em oitavo, à frente de Jonas Folger. Quem também vinha gradualmente melhorando era Rins. O espanhol subiu seis posições na tabela até chegar a décimo – a diferença para Zarco, porém, continuava um abismo: 0s674. 

Depois de uma breve pausa dos favoritos, todo mundo voltou à pista para os cinco minutos finais da sessão. E o primeiro a melhorar foi Rins. Após cair para 11º, o vice-líder da Moto2 pulou para sexto, cortando em mais dois décimos a vantagem que o separava de Zarco. O próprio francês também retornou, mas não estava fácil, no tráfego, conseguiu algo melhor do o 1min37s436 que tinha desde o início da classificação. 
 
Neste meio tempo, Morbidelli também apareceu forte e posicionou em quinto, empurrando Lüthi para sexto e Rins para oitavo. Outro que ensaiou uma reação foi Baldassarri. O italiano veio em parciais vermelhas no minuto final, mas exagerou na parte final da volta e ficou com 1min37s550, o que lhe dava o segundo lugar. 
 
Só que Nakagami conseguiu ser ainda mais veloz que Lorenzo. O japonês cravou 1min37s509 no instante final – o tempo foi o seu melhor da sessão, mas não o suficiente para tirar Zarco da pole. Assim, o francês, que pouco andou no fim, garantiu a posição de honra do grid, tendo na primeira fila a companhia de Nakagami e Baldassarri.
 
Lowes vai abrir a segunda fila do grid. Franco Morbidelli ficou com a quinta posição, logo à frente de Tom Lüthi e Sandro Cortese. Álex Rins terminou em oitavo, uma posição melhor que Mattia Pasini e Hafizh Syahrin.
 
A 13ª etapa da Moto2 em 2016 tem largada marcada para as 7h20 (de Brasília) neste domingo.
 

#GALERIA(5784)

Moto2 2016, GP de San Marino e da Riviera de Rimini, Misano, Grid de largada:

1 5 JOHANN ZARCO FRA AJO Kalex 1:37436  
2 30 TAKAAKI NAKAGAMI JAP TEAM TADY Kalex 1:37.509 +0.073
3 7 LORENZO BALDASSARRI ITA FORWARD Kalex 1:37.550 +0.114
4 22 SAM LOWES ING GRESINI Kalex 1:37.777 +0.341
5 21 FRANCO MORBIDELLI ITA MARC VDS Kalex 1:37.861 +0.425
6 12 THOMAS LÜTHI SUI INTERWETTEN Kalex 1:37.916 +0.608
7 11 SANDRO CORTESE ALE INTACT Kalex 1:37.933 +0.497
8 40 ÁLEX RINS ESP PONS Kalex 1:37.935 +0.499
9 54 MATTIA PASINI ITA ITALTRANS Kalex 1:37.990 +0.554
10 55 HAFIZH SYAHRIN MAS RACELINE Kalex 1:38.035 +0.599
11 94 JONAS FOLGER ALE INTACT Kalex 1:38.044 +0.608
12 73 ÁLEX MÁRQUEZ ESP QMMF Speed Up 1:38.051 +0.615
13 23 MARCEL SCHROTTER ALE ARGIÑANO & GINÉS Kalex 1:38.105 +0.669
14 60 JULIÁN SIMÓN ESP QMMF Speed Up 1:38.243 +0.807
15 52 DANNY KENT ING KIEFER Kalex 1:38.308 +0.872
16 49 AXEL PONS ESP ARGIÑANO & GINÉS Kalex 1:38.339 +0.903
17 24 SIMONE CORSI ITA SPEED UP 1:38.345 +0.909
18 14 RATTHAPARK WILAIROT ESP TEAM TADY Kalex 1:38.655 +1.219
19 19 XAVIER SIMÉON BEL GRESINI Kalex 1:38.706 +1.270
20 57 EDGAR PONS ESP PONS Kalex 1:38.808 +1.372
21 10 LUCA MARINI ITA FORWARD Kalex 1:38.857 +1.372
22 44 MIGUEL OLIVEIRA POR KIEFER Kalex 1:38.885 +1.449
23 2 JESKO RAFFIN SUI SAG Kalex 1:38.912 +1.476
24 27 IKER LECUONA ESP INTERWETTEN Kalex 1:38.983 +1.547
25 97 XAVIER VIERGE ESP TECH3 Mistral 610 1:39.006 +1.570
26 32 ISAAC VIÑALES ESP TECH3 Mistral 610 1:39.160 +1.724
27 42 FEDERICO FULIGNI ITA CIATTI Kalex 1:39.240 +1.804
28 87 REMY GARDNER AUS TASCA Kalex 1:39.257 +1.821
29 70 ROBIN MULHAUSER SUI INTERWETTEN Kalex 1:39.555 +2.119
             
RECORDE JONAS FOLGER ALE ARGIÑANO & GINÉS Kalex 1:37.422 156.1 km/h
MELHOR VOLTA JOHANN ZARCO FRA AJO Kalex 1:36.754 157.2 km/h
PADDOCK GP #45 COMENTA FIM DE SEMANA COM F1, INDY, MOTOGP E WEC

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube