Byron leva a melhor na estratégia, vence primeira na Xfinity em Iowa e deixa ‘quase’ de Michigan no passado

William Byron voltou a brigar pela vitória neste fim de semana. E, agora sim, venceu. Depois de ser derrotado por centímetros em Michigan, o piloto do #9 controlou o fim da corrida em Iowa e venceu pela primeira vez na Xfinity

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Em um sábado, Williams Byron foi o azarado que deixou a vitória escapar por frações de segundo. Em outro, foi o sortudo que acertou a estratégia em cheio e se colocou em posição para brigar pela vitória sem grandes adversários. Depois de ser cirúrgico no timing do último pit-stop, Byron encaminhou seu primeiro triunfo na Xfinity na etapa de Iowa.
 
O momento decisivo veio na volta 219, faltando 31 para o fim. O ciclo de pits em bandeira verde estava perto do fim e apenas dois pilotos de ponta ainda estavam rodando com pneus velhos – Christopher Bell, líder, e Byron. Foi aí que Bell foi vítima de um acidente entre Ryan Reed e Brennan Poole – o carro de Reed, que estava levando uma volta, ficou descontrolado e acertou o ponteiro. Byron, além de ver o maior rival virtualmente eliminado da corrida, também teria grande vantagem por parar em bandeira amarela, e não verde.
 
E a situação só melhorava. Dylan Lupton, que andava apenas em posições intermediárias e ainda não havia parado, seguiu sem parar. A estratégia tinha um único motivo: manter todos os outros pilotos de ponta que pararam em bandeira verde uma volta atrás dos líderes.
William Byron (Foto: Nascar Media)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Isso praticamente restringiu a briga pela vitória a Byron e Ryan Sieg. O piloto do #39 bem que tentou, mas simplesmente não tinha carro para ameaçar o #9. Byron venceu, com Sieg em segundo. Tyler Reddick cruzou a linha de chegada em terceiro. O resto do top-5 foi uma loucura: Ross Chastain pintou em quarto, enquanto Dakoda Armstrong pintou em quinto. Os cinco primeiros colocados deixam Iowa com os melhores resultados de suas respectivas carreiras.
 
Com a vitória, Byron é o terceiro piloto classificado para os playoffs da Xfinity, que conta com 12 vagas.
NOVA DERROTA EM 2017 MOSTRA QUE TOYOTA E LE MANS SÃO COMO ‘ÁGUA E ÓLEO’

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube