Nascar
08/07/2018 17:21

Jones derrota Truex na prorrogação em Daytona e conquista primeira vitória da carreira na Nascar

Erik Jones passou Martin Truex Jr. na segunda metade da última volta em Daytona. O piloto do #20 ainda não tinha vencido na divisão principal da Nascar e tirou uma prova das mais acidentadas para debutar no Victory Lane
Warm Up / Redação GP, de Porto Alegre
 Erik Jones (Foto: Nascar Media)

Uma noite acidentada da Nascar neste sábado (7) resultou em um vencedor inédito. Erik Jones, um dos poucos sobreviventes da etapa de Daytona, levou a melhor em disputa com o ex-companheiro de equipe Martin Truex Jr. e garantiu a primeira visita da carreira ao Victory Lane da categoria.
 
Jones aproveitou a prorrogação em Daytona, consequência de acidentes nas últimas voltas, que jogou contra Martin Truex Jr. O #78 parecia estar com a prova sob controle, quando uma nova batida envolvendo Clint Bowyer e Darrell Wallace Jr. forçou nova relargada. Foi aí, com Erik ao lado de Martin quando a bandeira verde voltou a ser agitada, que o #20 partiu para uma nova investida.
Erik Jones e Martin Truex Jr. (Foto: Nascar Media)

Jones concretizou a ultrapassagem na metade final da última volta, aproveitando um empurrãozinho de Chris Buescher, que vinha logo atrás. Vindo por cima, o #20 conseguiu vantagem suficiente para passar o #78 de vez, o que possibilitou só evitar contra-ataques até a bandeira quadriculada.
 
AJ Allmendinger surgiu em terceiro, o melhor resultado na temporada. O top-5 ainda contou com Kasey Kahne – também melhor resultado de 2018 – e Buescher. Apenas 14 dos 40 pilotos do grid terminaram na volta do líder.
 
A prova foi marcada por acidentes. Dois deles, de maiores proporções, foram causados por Ricky Stenhouse Jr. O primeiro tirou sete pilotos da prova de uma vez só – Daniel Suárez, Chase Elliott, Brad Keselowski, Kurt Busch, Denny Hamlin, Joey Logano e Ryan Blaney.
Erik Jones (Foto: Nascar Media)