Nascar

Keselowski supera Elliott nos boxes, segura pressão e alcança vitória na etapa de Martinsville

Brad Keselowski liderou 446 das 500 voltas da corrida, viu a Penske trabalhar melhor nos boxes e superou Chase Elliott para conquistar o segundo triunfo do ano na Nascar. Kyle Busch completou o top-3 em Martinsville

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
Brad Keselowski foi o grande vencedor na etapa de Martinsville da Nascar, realizada neste domingo (24). Após liderar 446 das 500 voltas da corrida, Keselowski segurou a pressão imposta por Chase Elliott no estágio final e conquistou seu segundo triunfo na temporada. Foi a 29ª vitória do piloto da Penske na Monster Energy Cup.

Após largar em terceiro, Keselowski dominou e venceu os dois primeiros estágios da corrida. Elliott o seguiu por boa parte e ameaçou sua vitória na volta 325, com uma ultrapassagem por dentro na curva 2, tomando a liderança. Keselowski, então, iniciou uma perseguição que durou 48 voltas, até o acidente de Matt Tifft, que causou bandeira amarela.

A Penske trabalhou melhor que a Hendrick nos boxes e recolocou Keselowski na primeira posição, seguido por Elliott e Kyle Busch. A corrida foi reiniciada na volta 380, e Brad apenas segurou a ponta até receber a bandeira quadriculada, com 0s5 de vantagem para o segundo colocado Elliott, que pressionou, mas não achou o espaço para a ultrapassagem.
Brad Keselowski (Foto: Nascar)
Busch completou o pódio, seguido por Ryan Blaney, Denny Hamlin, Kevin Harvick, Clint Bowyer, Martin Truex Jr, Aric Almirola e Daniel Suárez, que fecharam o top-10 no circuito da Virgínia.

A vitória manteve Brad Keselowski na quinta posição no campeonato, com 37 pontos de desvantagem para o líder Kyle Busch. A próxima prova da Nascar acontece no domingo (31), no Texas.