Nascar

Logano passa Truex na última relargada e confirma título inédito na Nascar com vitória em Homestead

Com um carro muito forte em relargadas, Joey Logano dificultou a vida de Martin Truex Jr. O #22 fez a ultrapassagem com 12 voltas para o fim, sem dar qualquer chance de reação. É o primeiro título do piloto, que passou por altos e baixos na carreira
Warm Up / Redação GP, de Berlim
 Joey Logano é o novo campeão da Nascar (Foto: Nascar Media)
Apenas um dos quatro finalistas da Nascar em 2018 buscava o primeiro título, e foi justamente esse piloto que triunfou. Joey Logano, que talvez fosse apontado como o menos forte do grupo que também contava com Martin Truex Jr., Kevin Harvick e Kyle Busch, mostrou exatamente o oposto nesse domingo (18): Com um carro veloz e uma corrida livre de erros, Logano derrotou Truex em uma disputa com 12 voltas para o fim e levou a vitória que confirma o título.
 
A vitória se tornou possível por conta de um carro muito rápido nas primeiras voltas após relargada. Isso significava que Logano tinha dificuldades para acompanhar Truex em longas sequências de bandeira verde, justamente o que acontecia até Daniel Suárez e Brad Keselowski baterem com 20 voltas para o fim. Truex liderava e precisava se defender, mas não conseguiu. Logano tomou a liderança e construiu vantagem de 1s7 na altura da bandeira quadriculada.
Joey Logano é o novo campeão da Nascar (Foto: Nascar Media)
Mais atrás, Harvick terminou em terceiro. O #4 começou a prova com algum ímpeto, mas não conseguiu incomodar Logano ou Truex no último segmento. O quarto lugar foi de Kyle Busch, o pior dos finalistas: o #18 tentou uma estratégia diferente – o último pit-stop veio na última bandeira amarela, enquanto os concorrentes pararam antes –, mas que não fez muita diferença. Keselowski completou o top-5.
 
O título de Logano vem após uma carreira de altos e baixos na Nascar. O piloto começou sem empolgar muito na Joe Gibbs, mas encontrou a melhor forma ao assinar com a Penske. Com um carro veloz, Joey já havia alcançado a final dos playoffs em 2014 e 2016, ficando no quase. Em 2017, a decepção foi grande ao nem sequer avançar para o grupo de 16 melhores, mas a reação, um ano depois, certamente veio em grande estilo.
 
Logano conquista também o primeiro título da Ford na divisão principal da Nascar em 14 anos. O último veio com Kurt Busch. A conquista vem após anos difíceis para a marca: não só a Chevrolet dominou a categoria nos anos 2000, incluindo os sete títulos de Jimmie Johnson, a Toyota surgiu como força emergente e chegou a ser o novo bicho papão passadas conquistas em 2015 e 2017.