Patrocinador rescinde contrato com equipe de Waltrip após escândalo da manipulação de resultado

A Napa, que acompanha Michael Waltrip desde a época em que era piloto, anunciou que não vai continuar no time em 2014. Apesar disso, o dirigente já garantiu que Martin Truex Jr. correrá no ano que vem

A equipe de Michael Waltrip ainda continua sofrendo os prejuízos do escândalo da manipulação do resultado da etapa de Richmond da Nascar. Após a direção da categoria americana retirar Martin Truex Jr. do Chase, o principal patrocinador do piloto – a Napa – anunciou nesta quinta-feira (19) a rescisão do contrato com a escuderia.

“Após uma longa consideração, a Napa tomou a difícil decisão de terminar o acordo de patrocínio com a equipe de Michael Waltrip em 31 de dezembro de 2013”, disse a empresa em um comunicado no Facebook. “A Napa acredita no jogo limpo e não tolera ações como as que levaram às punições impostas pela Nascar”, declarou.

Truex perdeu o principal patrocinador para 2014 (Foto: Getty Images)

“Nós continuamos apoiando os milhões de torcedores da Nascar e vamos avaliar nossa posição no esporte a motor”, acrescentou o comunicado.

A Napa era um patrocinador de longa data de Waltrip, tendo o acompanhado desde a época em que competia. Apesar de Truex não ter mais um investidor para o ano que vem, o chefe da equipe já garantiu que continuará com três carros em 2014.

Além da perda do patrocinador, Truex, Clint Bowyer e Brian Vickers foram punidos com a perda de 50 pontos antes do Chase. A equipe ainda foi multada em US$ 300 mil (cerca de R$ 650 mil) e o chefe do time, Ty Norris, foi suspenso por tempo indeterminado. Os chefes de mecânicos dos três pilotos foram colocados em observação até o fim do ano.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar