CBM decide suspender atividades de motovelocidade na pista de Brasília após morte de Vanessa Daya

A CBM, a Confederação Brasileira de Motociclismo, decidiu suspender qualquer atividade de motovelocidade no circuito de Brasília depois da morte da pilota Vanessa Daya. Assim, rodada da Moto 1000 GP, que aconteceria em 28 de julho, está cancelada

Por conta das investigações quanto ao acidente que matou a pilota Vanessa Daya, a CBM, a Confederação Brasileira de Motociclismo, decidiu suspender qualquer atividade de motovelocidade no circuito de Brasília, em decisão semelhante à tomada pela CBA, a entidade máxima do automobilismo no Brasil, depois dos problemas apresentados pela pista durante a etapa da Stock Car, em junho.

Com a determinação, fica suspensa também a realização das provas da quarta etapa da Moto 1000 GP, o Campeonato Brasileiro de Motovelocidade, que estavam agendadas para o dia 28 de julho no circuito da capital federal.

Stock Car também enfrentou problemas em Brasília (Foto: Miguel Costa Jr.)

Relacionadas


Vanessa, de 31 anos, sofreu uma queda na segunda corrida da terceira rodada do Campeonato Brasiliense de Motovelocidade e foi submetida a procedimentos cirúrgicos ainda no domingo no Hospital de Base de Brasília, onde morreu na madrugada desta quarta-feira (17).

Ainda, um dia antes de a morte da pilota ser anunciada, a Federação de Motociclismo do Distrito Federal (FMDF) convocou uma comissão para investigar as causas do acidente. Segundo a federação, a comissão vai analisar o estado de conservação da moto, os equipamentos de segurança pessoal da pilota e as condições da pista. O relatório deve sair em 30 dias.

"Esse é um momento difícil para todos na motovelocidade, um momento de dor pela perda de uma adepta do nosso esporte. É uma tragédia que abala todos nós e que abre um momento de reflexões. Somos solidários à dor dos familiares da Vanessa. O que houve foi uma tragédia”, afirmou Gilson Scudeler, idealizador e promotor do Moto 1000 GP. “É necessário que todas as precauções sejam tomadas em nome da segurança, e a determinação da CBM segue essa necessidade", completou.

As demais etapas do campeonato permanecem inalteradas. Assim, a próxima corrida da Moto 1000 GP acontece em 25 de agosto, na pista de Cascavel.

🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias do GP direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra, Escanteio SP e Teleguiado.