Outras

Com ultrapassagem na última volta, Petecof volta a vencer em Vallelunga e lidera F4 Italiana

Gianluca Petecof abriu e fechou o fim de semana da etapa de abertura da f4 Italiana com vitória em Vallelunga. A soma dos resultados levou o piloto da Academia Shell Racing à ponta do campeonato após três corridas disputadas

Warm Up / Redação GP, de Sumaré
Um fim de semana, três corridas, duas vitórias. Foi assim que Gianluca Petecof começou a temporada 2019 da F4 Italiana, com a rodada tripla disputada em Vallelunga entre sábado e domingo (5). Depois de uma vitória categórica lograda diante de condições traiçoeiras do asfalto do circuito italiano, o brasileiro de 16 anos, que é membro da Academia Shell Racing e da Academia da Ferrari, voltou a brilhar na pista próxima a Roma com uma ultrapassagem na última volta sobre o belga Lucas Roy Allecco para vencer a corrida 3.
 
O domingo foi marcado pela chuva em Vallelunga. Assim, a largada da corrida 2 do fim de semana, a primeira do dia, foi feita com o safety-car puxando a fila dos carros. Gianluca, que era o quinto do grid, subiu para quarto antes mesmo da bandeira verde depois que um competidor escapou na pista molhada.
 
Quando a bandeira amarela deu lugar à verde, o brasileiro fez uma grande corrida, assumiu a liderança logo no início e liderou todas as voltas da prova até a penúltima, quando os pneus de chuva de Gianluca se desgastaram. Assim, o piloto da Prema não conseguiu suportar a pressão do tcheco Roman Stanek, terminando em segundo. 
Gianluca Petecof venceu com grande ultrapassagem na última volta em Vallelunga (Foto: Prema Powerteam)
Mas pouco depois de ter ido ao pódio, tanto o brasileiro como Stanek foram punidos com 10s no tempo de prova por conta de infrações durante o regime de safety-car. Assim, Gianluca terminou em quinto, logo atrás de Stanek. A vitória ficou com o paraguaio Joshua Duerksen.
 
Petecof reservou para a última corrida sua grande atuação no fim de semana. A prova começou com meia hora de atraso em relação ao que estava previsto por conta da forte chuva em Vallelunga.
 
Mas o volume de água diminuiu e permitiu o desfecho da rodada tripla, que também começou sob regime de safety-car. Gianluca largou em terceiro e assumiu a segunda colocação logo que o SC deixou a pista. Só que, com carro de serviço ainda voltou a figurar na corrida para mais uma intervenção.
Gianluca Petecof festejou sua segunda vitória no fim de semana, a terceira no ano (Foto: Prema Powerteam)
Com oito minutos para o fim, o safety-car deixou novamente a pista. Daí em diante, Petecof partiu para cima de Allecco para buscar a liderança e a vitória na corrida 3. Só que o safety-car interveio mais uma vez. Na relargada, na última volta, Petecof resistiu a um forte ataque do russo Mikhael Belov, que resultou inclusive em um toque. Mesmo assim, o brasileiro não se intimidou e partiu para cima de Roy Allecco, fez a ultrapassagem quando restavam três curvas para o fim e venceu em grande estilo.
 
“Ganhamos de novo na corrida 3, uma corrida emocionante, na chuva e no seco. Relargamos após entrada do safety-car com apenas uma volta para o fim e consegui subir de segundo para primeiro. Muito importante essa vitória para fechar o fim de semana com chave de ouro. É só o começo, mas um começo muito positivo”, comemorou o brasileiro.
 
Petecof volta a acelerar pela F4 Italiana dentro de duas semanas, nos dias 18 e 19 de maio com a rodada dupla em Misano.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.