Petecof mantém tudo no radar, mas revela que planos A, B e C são “permanecer na Europa”

A Fórmula 3 é a prioridade para Gianluca Petecof na próxima temporada, mas o jovem piloto brasileiro deixou claro, em entrevista ao GRANDE PRÊMIO, que não descarta nada: “Meu objetivo é ser um piloto profissional”

Valentino Rossi foi homenageado pela torcida e com uma enorme bandeira no Red Bull Ring (Vídeo: MotoGP)

Desde quando emergiu a notícia da sua não permanência no grid da Fórmula 2 nesta temporada 2021, Gianluca Petecof vem buscando recursos para voltar às pistas o quanto antes. A meta estabelecida pelo brasileiro de 18 anos é retornar na próxima temporada em uma vaga competitiva na Fórmula 3, mas o fato é que nenhuma opção está totalmente descartada. Das categorias do Road to Indy, corridas de longa duração e até mesmo a Stock Car, tudo é considerado pelo jovem piloto. Tudo depende, claro, do combustível financeiro e do orçamento para 2022.

Em entrevista exclusiva ao GRANDE PRÊMIO, Petecof reforçou seus objetivos nas pistas. E frisou que, muito mais que um lugar na Fórmula 1, tem como grande meta viver do seu trabalho como piloto. Por isso, é preciso considerar todas as possibilidades.

“Tenho a cabeça bem aberta para o futuro. Falo isso há muito tempo que o meu objetivo, na verdade, é ser um piloto profissional do automobilismo. E hoje em dia, tem muitas categorias te dão a oportunidade de fazer isso, não só a Fórmula 1”, explicou Gianluca.

LEIA TAMBÉM
+Petecof revela “período diferente” e “trabalho bem forte” para voltar em 2022
+Falta de grana interrompe trajetória promissora de Petecof. Mas ainda não é o fim

GIANLUCA PETECOF; FÓRMULA 2
Gianluca Petecof mira seu retorno às pistas logo (Foto: Dutch Photo Agency/Campos)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“O objetivo principal é me manter na Europa no ano que vem, independente da categoria, mas, claro, existem alternativas interessantes: como nos Estados Unidos, a Stock Car está num nível bem interessante, mas agora nosso plano A, talvez até nossos planos B e C, em alguns cenários, é permanecer na Europa”, frisou.

Questionado se é possível voltar a correr ainda neste ano, Gianluca também não descartou. “Recebi algumas propostas, algumas ofertas para voltar em 2021, em diversas categorias. Acho que é importante estar na pista, me manter ativo. A gente tá confirmando ainda se de fato vou participar do restante de algum campeonato ou não. Claro que os monopostos são a nossa meta agora, mas vamos ver. Talvez, nas próximas semanas, possamos anunciar algo e voltar em breve”.

De volta ao Brasil nas últimas semanas, Petecof participou de um teste a bordo de um carro da Porsche Cup em Interlagos, onde nunca antes havia pilotado um carro de corrida. A sessão aconteceu por meio de um convite de Dener Pires, organizador da categoria, e de Dennis Dirani, coach de Gianluca desde os tempos de kart.

“Tive uma experiência excelente em Interlagos com a Porsche Cup a convite do Dener [Pires] e do Dennis Dirani. Foi um pequeno teste que fiz lá, uma experiência realmente incrível. Interlagos é muito especial: minha primeira vez lá… Aliás, posso dizer que foi minha segunda vez lá, a primeira fizemos uma filmagem com o kart no autódromo, mas não pude sentir a pista. Dessa vez, com certeza, pude ter uma primeira experiência de verdade”, explicou

“A gente cresce vendo a Fórmula 1 em Interlagos e sonha em estar ali. Foi muito especial, principalmente com pessoas que tenho grande respeito e admiração, como o staff da Porsche e principalmente o Dennis, que está comigo há muitos anos e foi meu coach por muito tempo”, destacou o piloto.

Quanto à chance de fazer uma corrida pela Porsche Cup ainda em 2021, Petecof se disse disponível. “Para este ano, claro que estou aberto a ofertas. Se aparecer alguma oportunidade interessante para fazer uma etapa da Porsche, talvez o Endurance [Series], no fim do ano, seria muito legal e algo diferente, uma experiência diferente. Teria um grande valor”, concluiu.

ALONSO PROVA QUE IDADE NÃO É PROBLEMA NA FÓRMULA 1 | GP ÀS 10

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar