Outras

Petecof tem fim de semana complicado em Spielberg, mas segue líder da F4 Italiana

Gianluca Petecof encarou o fim de semana mais complicado de toda a temporada na rodada tripla de Spielberg válida pela quarta etapa da F4 Italiana. Muito por conta das posições de largada, o piloto da Academia Shell Racing e da Academia da Ferrari viu a diferença na liderança do campeonato cair de 43 para apenas quatro pontos para o segundo colocado, Dennis Hauger

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
O fim de semana da quarta etapa da temporada 2019 da F4 Italiana foi complicado para Gianluca Petecof. Depois de enfrentado dor de garganta e febre antes de seguir para a Áustria, o piloto da Academia Shell Racing e da Academia da Ferrari disputou a rodada tripla no Red Bull Ring, entre sábado e domingo (14), e teve como melhor resultado o quarto lugar na terceira corrida da etapa, realizada nesta tarde.
 
O fator que acabou contribuindo para que os resultados não fossem os esperados pelo piloto foi o ritmo de classificação. Na sessão classificatória realizada na última sexta-feira, Petecof marcou o nono tempo do grid da primeira corrida com o carro #5 da equipe Prema e a 15ª colocação na segunda prova.
Gianluca Petecof disputou a etapa de Spielberg pela F4 Italiana (Foto: Prema Powerteam)
No sábado, Gianluca finalizou a corrida 1 na 11ª colocação. Na segunda disputa do fim de semana, o brasileiro conseguiu empreender boa reação, recuperou posições importantes e cruzou a linha de chegada em nono, com a corrida sendo encerrada com uma chuva inesperada.
 
A terceira e derradeira prova da rodada aconteceu nesta tarde em Spielberg. O brasileiro largou na oitava colocação e conseguiu imprimir forte ritmo, fez boas ultrapassagens e, em uma corrida com os líderes muito próximos, finalizou em quarto.
 
O grande problema para Petecof foi que Dennis Hauger, norueguês que corre pela equipe holandesa Van Amersfoort, teve um fim de semana mais regular. O piloto de 16 anos venceu a corrida 2 e foi segundo na prova deste domingo.
 
Assim, Petecof continua na liderança do campeonato depois de 12 corridas disputadas. Mas a diferença, que era de 43 pontos, caiu para apenas quatro. O brasileiro soma 169 tentos, contra 165 de Hauger.
 
“Foi o fim de semana mais difícil de toda a temporada, tanto no Alemão como no Italiano. Não por conta do nosso ritmo e do nosso potencial, mas pelos resultados no fim. Na classificação, depois de ficar à frente do nosso principal concorrente, perdemos as nossas melhores voltas, e isso complicou tudo, não fizemos os pontos que precisávamos”, salientou o jovem de 16 anos.
 
“Na última corrida, mostramos nosso potencial e fizemos a melhor volta da prova”, complementou Gianluca, que agora busca avaliar a rodada deste fim de semana antes de retomar a temporada. “É analisar o que aconteceu e lutar o máximo para recuperar a vantagem que perdemos nessa etapa”, concluiu.
 
O próximo compromisso de Petecof vai ser válido pela F4 Alemã. Entre 27 e 28 de julho, na preliminar do GP da Alemanha de F1, o brasileiro vai disputar a rodada dupla de Hockenheim. Pela F4 Italiana, Gianluca vai acelerar novamente entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro com a quinta rodada tripla do campeonato, em Ímola.

Paddockast #24
A BATALHA: Indy x MotoGP


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.